06/09/2017 16:24:00

INVESTIMENTO
Madero anuncia empreendimento de R$ 100 milhões, em Ponta Grossa
Esta será a terceira fase de um complexo que começou em 2015


(Foto: Divulgação)


Cristina Esteche

Ponata Grossa - O município de Ponta Grossa teve uma boa notícia nesta Semana da Pátria e véspera do aniversário da cidade, 15 de setembro. O prefeito Marcelo Rangel (PPS) anunciou na terça (05), a construção da nova fábrica da rede de alimentos Madero, com investimento de R$ 100 milhões. Embora ainda não haja maiores detalhes sobre o novo empreendimento, esta será a terceira fase da fábrica do Grupo nos Campos Gerais. A segunda fase do complexo está em construção, de acordo com a Assessoria de Comunicação do Madero, em contato com a RSN.

É da indústria já em funcionamento que sai o mix de produtos que abastecem, exclusivamente, os mais de 90 restaurantes distribuídos em vários municípios brasileiros, incluindo Guarapuava. A grife de sanduíches também está em Miami, nos EUA.

Tudo funciona como o chef Junior Durski criou. Sim foi ele mesmo que pesquisou, nacional e internacionalmente, cada tempero, cada ingrediente, cada composição, numa alquimia que resulta, segundo o slogan do grupo, no melhor hambúrguer do mundo.

A fábrica instalada em 2015, em Ponta Grossa, pela localização geográfica da cidade, trabalha sem parar. Afinal, produzir 87 mil hambúrgueres por dia, obedecendo os critérios exigidos pelo chef, não é uma tarefa fácil. Desde a entrada da carne bovina e ovina, até o corte e moagem; passando pela massa do pão que é cuidadosamente preparada, levando em consideração desde a temperatura para assar (195ºC), passando pelo congelamento imediato a -32ºC, passando para a embalagem, após serem pé assados. Entendeu por que os produtos que você consome nos restaurante do grupo, em especial, os pães, são quentinhos e crocantes?

Mas ainda tem mais: assim como os hambúrgueres e os pães, os molhos, as sobremesas, tudo é devidamente fiscalizado. A higiene, o preparo, até o produto final que é servido ao cliente nos restaurantes, que são franqueados, em sua maioria, são os ingredientes principais que levam em primeiro plano a satisfação do cliente. Um hambúrguer do Madero, por exemplo, tem 85% de carne e 15% de gordura. Essa gordura é importada do Uruguai e misturada ainda congelada à carne selecionada.

A entrega de tudo o que é produzido em Ponta Grossa é feita por uma frota própria que garante o transporte seguro para a satisfação do consumidor.

*A diretora da RSN, Cristina Esteche foi uma dos três jornalistas do Paraná a compor o Press Trip, organizado pela Fundação Municipal de Turismo de PG. Participaram 35 jornalistas brasileiros e da América Latina. A fábrica do Madero foi um dos locais visitados.

 

 

 

 

COMENTÁRIOS