09/09/2017 17:16:00

LAVA JATO
STF arquiva inquérito contra a ex-presidente Dilma
A acusação era de que Dilma e ministros do STJ tentaram obstruir a Lava Jato


A ex-presidente Dilma (Foto: Reprodução)


Da Redação

Brasília - O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), acolheu o pedido de arquivamento apresentado pela Procuradoria-Geral da República (PGR) no Inquérito 4243. As investigações eram sobre suposta tentativa da ex-presidente Dilma Rousseff de obstruir a Operação Lava Jato. Além de Dilma, também constavam no inquérito os nomes do ex-ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, e os ministros do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Francisco Falcão e Marcelo Navarro. A acusação era de que teriam planejado atravancar a operação por meio da nomeação de Navarro para o STJ, em 2015.

Segundo a Agência Brasil, na decisão, Fachin pontuou que o Supremo tem o “entendimento pacífico” de que deve deferir todos pedidos de arquivamento da PGR. A exceção seriam os casos baseados na atipicidade da conduta ou da extinção da punibilidade, conforme informação divulgada no site da Corte. O ministro argumentou que o arquivamento fundamentado na ausência de provas não impede as investigações no caso de surgirem novas evidências.

COMENTÁRIOS