10/01/2017 14:08:00

DÚVIDA
O prefeito ainda poderá surpreender!
Cesar Filho deverá anunciar o secretariado após 24 de janeiro. Enquanto isso....


Prefeito Cesar Filho (Foto: Arquivo RSN)


Da Redação

Guarapuava - À medida em que o tempo avança e sem que haja anúncio oficial sobre o novo secretariado do prefeito reeleito Cesar Silvestri Filho (PPS), em Guarapuava, possíveis escolhidos recheiam as conversas entre especuladores políticos. Nem mesmo quem ainda permanece no cargo sabe se continuará ou não. 

Enquanto o prefeito se "fecha em copas" crescem os nomes de possíveis contemplados: Thiago Cordova, que além de ter seu nome cogitado para a Secretaria de Trânsito, poderá ser o novo secretário executivo. Esse cargo está sendo ocupado por Celso Góes que não esconde o desejo de enfrentar um novo desafio: a Secretaria de Saúde. Outra opção será permanecer onde está, já que é um dos homens da extrema confiança do prefeito. 

Outro que pode ir para a Setran é o atual coordenador da Agência do Trabalhador, Adalberto Campos. Nesse caso, há a possibilidade de Artagão Junior (PSB) indicar a nova chefia que a Agência é ligada ao Núcleo regional da Secretaria Estadual do Trabalho, que tem como chefe Túlio Dalla Vecchia, sob a indicação do deputado.

Já na Secretaria de Esportes, a "bola da vez" é o professor de educação física Pablo Almeida, embora Cesar Filho possa contar também com outras opções, entre elas, vereadores.

Para a Assistência Social desponta o nome do padre Ari Marcos Bona, enquanto nas secretarias de Indústria e Comércio, Administração e Planejamento, os possíveis indicados ainda são incógnitas. Já na Educação, deverá ser confirmada a continuidade de Doraci Senger Lui; Flávio Alexandre, na Habitação; Diocesar Costa de Souza, na Finanças: Fernando Damiani, na Surg; Celso Araújo, Meio Ambiente; Ouvidoria deverá continuar Luiz Inácio de Melo, o Lula. Restam ainda, a Fundação Proteger, a Procuradoria, Comunicação Social, Agricultura e Departamento de Cultura que podem continuar sendo geridas por quem ainda permanece no cargo.

Na Secretaria de Políticas Públicas para Mulheres, a decisão de Eva Schran permanecer ou não ainda uma dúvida, já que, corre à "boca pequena" que Eva teria se despedido da equipe em festa de confraternização no final de 2015.

O prefeito tem a prerrogativa de chamar vereadores para assumirem secretarias abrindo espaço para acomodar Neto Rauen e Airson Horst, que não se reelegeram. Embora ainda reste a possibilidade de Celso Costa e Marcio Carneiro, reeleitos, não derrubarem a liminar que os mantem afastados dos cargos e perderem as vagas na Câmara, o que pouparia Cesar Filho, uma vez que as duas vagas seriam abertas para os não reeleitos. 

Essa decisão, porém, só acontecerá depois do dia 24 de janeiro, quando sairá a decisão do caso envolvendo Marcio Carneiro e Celso Costa, e que será dia decisivo para que o prefeito avalie a situação e anuncie o novo secretariado. O prefeito ainda poderá surpreender.

COMENTÁRIOS