10/10/2016 14:25:00

OUTUBRO ROSA
"Lenços de Amor" está arrecadando peças em Guarapuava
Iniciativa é da guarapuavana Fernanda Kohler, que está em tratamento e reforça a real necessidade de se fazer exames preventivos


Nem toda princesa usa coroa. Algumas usam lenço (Imagem: Divulgação)


Jonas Laskouski

Guarapuava - É inspirador ver a mobilização de tantos setores da sociedade durante o Outubro Rosa. Várias campanhas sendo realizadas, empresas colorindo de rosa suas logomarcas e também iluminando a fachada de suas empresas. Enquanto isso, jornalistas e publicitários criam frases de efeito para que a conscientização realmente faça as pessoas, principalmente as mulheres, entenderem o quanto é importante a prevenção e a realização periódica de exames. A agência publicitária Hey!, de Guarapuava, por exemplo, criou a seguinte frase: "Outubro, um mês para lembrar que você deve se cuidar todos os outros". Já o jornalista e social media Caio Budel criou para a RedeSul de Notícias a campanha "Câncer de Mama. Nós precisamos tocar nesse assunto".

E realmente, precisamos e muito falar sobre isso, e os exames são imprescindíveis para que a mulher, quando acontecer, descubra o mais cedo possível para poder realizar um tratamento de qualidade e efetivo, como aconteceu com a guarapuavana Fernanda Kohler, funcionária do Hospital São Vicente de Paulo. A 'guerreira careca', como ela mesmo diz, criou uma das campanhas mais bacanas deste mês, a "Lenços de Amor".

Fernanda descobriu um nódulo na mama esquerda durante a rotina anual de exames preventivos, aos 33 anos de idade. Agora já aos 34, com a quimioterapia e consequente perda dos cabelos, a guarapuavana resolveu combater a doença com mais beleza e autoestima, e a exemplo de outras campanhas, criou aqui em Guarapuava, essa que está arrecadando lenços para as mulheres que enfrentam essa parte mais agressiva do processo. 

"Descobri alguns dias antes do meu aniversário. Se eu não fizesse os exames como faço anualmente, quem sabe não teria descoberto a tempo de iniciar o tratamento", conta Fernanda. "Quero incentivar outras mulheres a fazerem o mesmo e resgatar a autoestima das que estão em tratamento, assim como eu."

Todos podem ajudar, inclusive homens que podem muito bem ir até uma loja, comprar uma peça e levar até um dos pontos de arrecadação. Lenços usados também valem, hein. Quer saber onde você vai deixar sua contribuição? Anota aí: ACOPEC (Associação Centro Oeste do Paraná de Estudos e Combate ao Câncer), Faculdade Campo Real, Unicentro (Universidade Estadual do Centro-Oeste) e Studio La Bayadère.

Além dos lenços, um kit de maquiagem também será entregue às outras guerreiras que lutam contra o câncer, mantendo e evidenciado ainda mais a sua beleza.

 

COMENTÁRIOS