17/03/2017 10:10:00

MULHER
Ciclo menstrual irregular – causas e tratamento
A Síndrome dos Ovários Policísticos é um dos principais fatores que causam atraso menstrual


Foto ilustrativa


Da Redação

Guarapuava - Muitas mulheres sofrem com a menstruação irregular seja porque se sentem inseguras quanto à eficácia do método contraceptivo, porque desejam engravidar e não conseguem calcular o período fértil ou porque todos os meses se sentem apreensivas sobre qual o dia da menstruação. O que fazer nestes casos?

O ciclo menstrual ideal pode variar de 28 a 30 dias, mas há muitas mulheres com ciclos de 32 a 40 dias. Quando é regular não há problemas, mas quando não existe um dia definido, pode prejudicar o bem-estar feminino.

De acordo com artigo publicado pela Febrasgo (Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia), a mulher sempre deve realizar a anotação da data de início das menstruações e manter um controle. Já em casos de irregularidades, é essencial que se procure um especialista para que a causa do problema possa ser descoberta.

O que também pode atuar descontrolando o ciclo menstrual é a utilização de pílulas do dia seguinte (PDS), que podem alterar a data da menstruação, algumas mulheres relatam atraso de quase um mês. Até mesmo a utilização de pílulas anticoncepcionais deve ser realizada de maneira adequada e disciplinada, caso contrário, também podem ocorrer alterações no ciclo.

Segundo informações especializadas do portal Trocando Fraldas, outro fator que pode provocar a menstruação irregular é a síndrome dos ovários policísticos, aliás, esse problema não apenas afeta o ciclo menstrual como pode impedir a mulher de engravidar, já que é mais difícil que se consiga identificar o período fértil.

Outras causas de menstruação irregular são: peso em excesso, problemas de desequilíbrio hormonal, anorexia ou bulimia e exposição cotidiana a situações de estresse.

Se a mulher sofre com o problema há algum tempo, é primordial que procure ajuda médica para que o problema seja identificado e um tratamento adequado seja indicado.

Leia em Saúde da Mulher – É possível engravidar após a mulher ter mais de 40 anos

 
 

COMENTÁRIOS