17/02/2017 09:31:00

QUE FOFO...
Menina de 7 anos pede emprego ao chefão do Google
Em resposta à carta de Chloe Bridgewater, Sundar Pichai, CEO do Google, incentivou a garota: "Continue trabalhando duro e seguindo seus sonhos"


Andy Bridgewater


Do site da Veja

A menina Chloe Bridgewater, uma inglesa de sete anos da cidade de Hereford, escreveu uma carta ao CEO do Google, Sundar Pichai, com um pedido de emprego.

Em sua conta no LinkedIn, Andy Bridgewater, pai da garota, explicou a história. “Depois de ver as imagens dos escritórios do Google com pufes, karts e escorregadores, minha filha de sete anos decidiu escrever para o Google para ver se eles conseguiriam dar-lhe um emprego”.

Na carta, Chloe comenta algumas de suas qualificações, como nadar bem e escrever corretamente. Ela também diz o quanto gosta de computadores e que seu pai considera isso importante para se candidatar à vaga, o que ela achou interessante incluir na mensagem.

Além de querer uma vaga na maior empresa de tecnologia do mundo, a jovem inglesa revela seu desejo de trabalhar em uma fábrica de chocolate e de competir em uma edição de Olimpíada. Na mensagem, Chloe menciona que esta é a segunda carta que ela enviou em sua vida. “Eu só enviei carta para o Papai Noel.”

Confira a carta traduzida:

“Caro chefe do Google,

Meu nome é Chloe e quando eu crescer gostaria de trabalhar no Google. Eu também quero trabalhar em uma fábrica de chocolate e nadar nos Jogos Olímpicos, eu nado aos sábados e terças feiras. Meu pai disse que eu posso sentar em pufes, deslizar em escorregadores e dirigir karts trabalhando para o Google.

Eu também gosto de computadores e tenho um tablet, onde brinco com jogos. Meu pai me deu um jogo em que eu tenho que mexer um robô para cima e para baixo, ele disse que isso seria bom para eu conhecer mais sobre computadores.

Ele também disse que vai me dar um computador um dia. Eu tenho 7 anos e meus professores contam para a minha mãe e para meu pai que eu sou muito boa nas aulas, na minha escrita, leitura e ao fazer contas. Meu pai me disse que se eu continuar indo bem e aprendendo mais um dia eu vou poder trabalhar no Google.

Minha irmã Hollie também é muito inteligente, mas ela gosta de brincar de boneca e de se vestir, ela tem 5 anos. Meu pai disse para eu te mandar um currículo para trabalhar no Google. Eu não sei muito bem o que é isso então ele disse que uma carta serviria por ora. Obrigado por ler minha carta, eu só tinha mandado uma dessas uma vez antes, e tinha sido para o Papai Noel. Tchau.

Chloe Bridgewater, 7 anos”

Chloe Bridgewater e seu pai Andy (Andy Bridgewater/Reprodução)

Para a surpresa de Chloe e seu pai, a carta chamou a atenção do CEO do Google, Sundar Pichai, que respondeu incentivando a menina: “Acho que se você continuar trabalhando duro e seguindo seus sonhos poderá realizar tudo o que definir em sua mente – desde trabalhar no Google a nadar nos Jogos Olímpicos”.

E finalizou a mensagem com a expectativa em ler o currículo da menina. “Estou ansioso para receber o seu pedido de emprego quando tiver terminado a escola!”

Pelo Twitter, Andy Bridgewater, pai de Chloe, publicou a carta com a resposta do executivo:

 

 

COMENTÁRIOS