17/08/2017 10:23:00

TEATRO
'O Auto da Compadecida' no Festival de Talentos da Guairacá
Alunos do Colégio montam um dos clássicos da literatura nacional


Chicó e João Grilo, dois dos principais personagens da peça (Foto: Divulgação)


Da Redação, com assessoria

Guarapuava - Um dos clássicos da literatura brasileira, escrito por Ariano Suassuna em 1955, e com grande destaque ao ser encenado no Rio de Janeiro, em 1957, 'O Auto da Compadecida' foi a obra escolhida por alunos do Colégio Guairacá e será levada ao palco durante o Festival de Talentos (Fetag). Embora aconteça em novembro, os alunos já começaram a montagem da peça que vai mostrar as peripécias de João Grilo e Chicó, dois nordestinos pobres que vivem de golpes para sobreviver. Eles estão sempre enganando o povo de um pequeno vilarejo no sertão da Paraíba, inclusive o temido cangaceiro Severino de Aracaju, que os persegue pela região. Somente a aparição da Nossa Senhora poderá salvar esta dupla.

De acordo com a professora Denise Cristina Holzer, que está à frente do festival, o processo de escolha para a temática deste ano partiu de pesquisas acerca de temas possíveis para se realizar um trabalho com os alunos. E por se tratar de um clássico da literatura brasileira, a escolha e a aceitação do tema foram facilitadas. “A ideia é abordar conceitos para um espetáculo híbrido, onde a visualidade e materialidade das cenas se darão a partir de projeções em 3D, experimentação com sombras, tecidos acrobáticos, dança contemporânea, canto e performances teatrais, ou seja, iremos transpor a peça original para a contemporaneidade, fazendo o uso de conceitos que abrangem as poéticas contemporâneas de produção em arte”.

Denise explicou que parte-se de uma peça de teatro para a construção de um espetáculo híbrido. Os estudantes estarão envolvidos a todo o momento. “No que tange à participação dos alunos, a ideia é inserir o maior número possível deles, visto que teremos diversos momentos em que cenas com os atores principais da peça acontecem e cenas onde estarão inseridos no todo”. Todos os interessados participarão de alguma forma na peça, mas para alguns personagens serão promovidas audições com inscrições pré-estabelecidas, como por exemplo, figuras como Chicó, João Grilo, A Santa e o Diabo.

Esse ano a produção do espetáculo contará com a participação de acadêmicas do 4º ano do curso de Arte Educação da Universidade Estadual do Centro-Oeste (Unicentro), que darão o suporte e colaboração no processo criativo das cenas. 

COMENTÁRIOS