19/07/2017 11:45:00

MENSAGEM
O que fica



Quando a neve do tempo embranquecer seus cabelos... e os ponteiros do relógio da vida ficarem velozes, e os dias se arrastarem inexoravelmente para a noite do que era um existir, e a chuva do tempo molhar mais e adoecer seu corpo, e o frio do inverno dos anos for dolorido e intolerável, e os sons ficarem inaudíveis, e a sensação de juventude for apenas uma fotografia na parede da memória, e as noites de agonia forem tristes e solitárias, e a pele perder o viço de antes, e o rosto mostrar apenas as marcas de tudo o que agora é passado, e o brilho dos olhos terem sido perdidos numa visão de outrora, e o corpo todo trêmulo se arrastar pouco a pouco para o lugar prometido, então terá chegado o momento do balanço, de somar as perdas e ganhos, de multiplicar as boas e más ações, de dividir o tempo para quem ainda não sabe seu valor, de saber o resultado final da sua passagem. Torço para que na somatória do seu existir haja mais lucros que perdas, mais alegrias que remorsos, mais realizações que frustrações, mais vida que morte em vida.

COMENTÁRIOS



Sobre o Autor

Mauro Biazi, jornalista, escritor e fotógrafo. Autor de 14 livros, entre textos/poesias/biografia/crônicas/imagens. Contribui com sua modesta escrita desejando despertar o leitor sobre temas que falam de perto a todos: vida, amizade, natureza, gratidão, amor, planeta, realidade...