30/01/2017 11:14:00
É necessário frear a soberba
Dartagnan da Silva Zanela (*)



CONVERSA E CONVERSA

Diálogo e conversação não significam que uma das partes tenha que ouvir e concordar com tudinho que a outra parte tem a dizer. Não é assim que funcionam as coisas na vida adulta. Somente as criancinhas acham que birrinha e chantagem sejam a mesma coisa que negociação e prosa. Diálogo e conversação significam que ambas as partes falarão, ouvirão e, no frigir dos ovos, possivelmente irão ceder aqui e acolá para poder entrar num acordo que, na maioria das vezes, é bem diferente do que era esperado por ambos os lados e que, ao fim, nem sempre é plenamente satisfatório. Mas, fazer o que? A vida é assim mesmo moço.

PÁGINAS SUJAS

Um órgão de mídia, ou um caipora qualquer, que chamava Fidel Castro de "grande estadista" e que via e vê nele um exemplo de sei lá o que, quando abre os beiços para criticar Trump merece, no mínimo, o nosso desprezo. Umas gargalhadas, quem sabe, mas, nada mais que isso.

MAIS ENCARDIDO DO QUE NUNCA

A alma do brasileiro precisa urgentemente ser lavada e alvejada. O problema é que as lavadeiras que se apresentam para realizar o tal serviço não são lá essas coisas e o sabão disponível mais encarde que limpa.

1984

Numa sociedade onde os bons costumes e o bom senso é substituído por leis que mal são compreendidas pelos seus autores e confusamente entendidas por seus intérpretes é uma sociedade condenada a escravidão totalitária. Escravidão essa que será, ao estilo orwelliano, chamada por muitos de liberdade.

APENAS UMA OBSERVAÇÃO

Os cidadãos comuns, como eu e você, que não somos pessoas chiques e que não somos versados no dialeto dos bacharéis, podemos ter certeza de duas coisas com a indicação de Ives Grande Filho para o antro do famigerado STF.

Primeira: se a grande mídia em peso diz que ele não presta é porque ele, de fato, é uma pessoa honra.

Segundo: o estardalhaço armado contra a indicação de seu nome que está sendo feito pela turminha radical e criticamente chique é porque ele, Ives Filho, é um Cristão Católico confesso e, como tal, defende todos os valores que, nas últimas décadas estão sendo atacados sorrateiramente pelas tais instituições democráticas.

Enfim, já estamos carecas de saber que quando a grande mídia e o establishment intelectual, juntos, repetem a mesma coisa é porque, batata, a realidade é o contrário do que eles afirmam.
 

COMENTÁRIOS



Sobre o Autor

Cristão católico por confissão, caipira por convicção, professor por ofício, poeta por teimosia, radialista por insistência, palestrante por zoeira, escrevinhador por não ter mais o que fazer e bebedor de café resoluto.