Faculdade Guairacá abre inscrições para Jornada de Fisioterapia

As atividades serão nos dias 3 e 4 de junho

(Foto: Ascom/Faculdade Guairacá)

A Faculdade Guairacá promove nos dias 3 e 4 de junho a II Jornada Acadêmica de Fisioterapia da Faculdade Guairacá. Os participantes poderão participar de palestras e mostra de trabalhos científicos.

A assessoria informou que podem participar docentes, discentes e profissionais da área. As inscrições custam R$40 e podem ser feitas no site da instituição.
De acordo com o coordenador do curso, professor Luiz Alfredo Braun Ferreira, as pesquisas e os campos de atuação têm crescido substancialmente nos últimos anos, abrindo perspectivas de conhecimento em múltiplas direções e espaços.

O projeto nasceu da necessidade de abordar o cuidado integral ao paciente, frente às diversas situações inerentes ao âmbito de trabalho. “Destaca-se a importância dessa discussão na atualidade no sentido de possibilitar uma visão ampliada da atuação profissional, além de incentivar a participação dos estudantes em programas de pós-graduação”.

PROGRAMAÇÃO

Segunda
19h – Cadastro dos alunos e entrega dos materiais
19h15 – Abertura do evento
19h30 – Palestra ‘Treino de marcha e estimulação transcraniana por corrente contínua na recuperação funcional infantil’, com a Prof. Dr. Luanda Collange
20h40 – Palestra ‘A atuação do fisioterapeuta na prevenção de atletas de alto rendimento’, com o Prof. Lucas Moro, fisioterapeuta do Operário Ferroviário de Ponta Grossa
21h50 – Coquetel de encerramento

Terça
19h – Abertura do evento
19h15 – Palestra ‘Dermatofuncional’, com a Prof. Mariana Ribeiro de Paula
20h – Palestra ‘Ergonomia e perícia cinético-funcional’, com o Prof. Eduardo Gallas Leivas
21h – Mostra Científica do curso de Fisioterapia, com apresentação de painéis

Relacionadas

DESTAQUE

UTFPR lidera ranking com mais cursos com nota máxima no Enade

ORIENTAÇÃO VOCACIONAL

UniGuairacá lança app que ajuda quem precisa escolher uma profissão

UNINDO TECNOLOGIA E EDUCAÇÃO

Tecnologia garante educação de presos durante a pandemia

Comentários