Jovem é detido por reunir 20 pessoas em uma festa em Guarapuava

De acordo com a PM, ele se negou a terminar a festa e investiu contra a equipe. O rapaz precisou de atendimento médico depois de uma crise de asma

Festa foi registrado no bairro Conradinho (Foto: Arquivo/RSN)

Mais uma vez a Polícia Militar foi acionada em Guarapuava por perturbação de sossego. No dia 20 de maio, a PM divulgou dados de como este tipo de ocorrência teve aumento durante a pandemia. Desta vez, a situação foi registrada no bairro Conradinho no início da madrugada desta quinta (28).

Uma mulher informou aos policiais que os vizinhos estavam, desde o início da noite com som alto, gritaria e algazarras, e que foi conversar com os donos da casa. Porém, eles disseram que não iriam baixar o som e que a polícia podia ser acionada.

De acordo com a polícia, ao chegar ao local, a equipe constatou que havia cerca de 20 pessoas reunidas. Além disso, conforme a PM, o barulho era ouvido a duas quadras de distância. A equipe fez contato com um homem de 19 anos, que se identificou como morador e responsável pela festa.

A FESTA

Ele foi informado da denúncia de perturbação, e se recusou a encerrar a festa. A PM destacou que a chegada da equipe não intimidou os convidados, que continuaram fazendo algazarras e gritarias enquanto os policiais falavam com o jovem. Desse modo, a PM solicitou que o rapaz acompanhasse a equipe para lavratura de termo circunstanciado. Entretanto, ele novamente se negou e fechou o portão da casa.

Ainda de acordo com a polícia, foi solicitado mais uma vez que o homem acompanhasse a equipe, e que se preciso fosse, seria utilizada força física para que ele fosse encaminhado. Porém, novamente o jovem se recusou. Assim, os policiais entraram no pátio da casa, e foram empurrados pelo rapaz que foi imobilizado.

Além disso, uma equipe do Samu foi acionada para dar atendimento ao jovem, que ficou com dificuldades para respirar por conta de uma crise de asma. Depois do atendimento médico, ele foi levado ao 16º BPM para a confecção de termo circunstanciado, e depois foi liberado. Os procedimentos foram acompanhados por um primo do jovem.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

TENTATIVA DE HOMICÍDIO

Após briga, homem é ferido com golpe de faca no pescoço

SUICÍDIO

Jovem de 23 anos é encontro morto em Guarapuava

MAIS AMOR

Bebês da UTI neonatal do Instituto Virmond ganham sessão de fotos

Comentários