PM fecha estabelecimento lotado e sem medidas de segurança

O local estava cheio, não havia cumprimento das determinações de distanciamento e nenhuma pessoa estava de máscara

O dono do bar se negou a fechar as portas (Foto: Arquivo/RSN)

Mesmo com o avanço da covid-19 em todo o Estado, a Polícia Militar ainda tem tido trabalho com pessoas que descumprem as medidas de segurança para contenção do contágio. Desta vez, policiais militares de Pinhão tiveram que encaminhar o dono de um estabelecimento para confecção de termo circunstanciado depois que ele se negou a fechar as portas do comércio dele.

De acordo com a PM a situação ocorreu no fim da noite desse sábado (6) na rua Dos Canários, no bairro Água Verde. A equipe fazia patrulhamento pelo local, quando viu um bar cheio de pessoas, sem distanciamento e uso de máscara. Dessa maneira, os policiais fizeram a abordagem, e nada de ilícito estava no local.

Depois disso, a equipe falou sobre o número excessivo de pessoas e a falta do uso das máscaras. Nesse momento, o homem de 32 anos, que se identificou como dono do bar respondeu “que não está nem ai, todos estão bebendo”. Os policiais pediram que o local fosse fechado, porém o homem se negou.

Por fim, os policiais encaminharam o responsável para os procedimentos cabíveis.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

TRABALHO POLICIAL

Operação Pronta Resposta II da PM apreende 96 quilos de maconha

RODOVIA

Acidente na BR-373 em Prudentópolis deixa três feridos

PANDEMIA DA COVID-19

Saúde de Guarapuava confirma 45 novos casos de covid-19

Comentários