Samuel Ribas Abreu surge como nova liderança política em Guarapuava

Entretanto, Samuel faz suspense sobre o protagonismo nas eleições. "Estou sendo assediado para ser candidato a prefeito"

 

 

 

Samuel Ribas Abreu desponta como nova liderança política em Guarapuava (foto: Sabrina Ferraz/RSN)

O advogado Samuel Ribas de Abreu, de 33 anos, trocou a paixão pela magistratura pelos desafios da política partidária. Mas não se trata de novidade para o pré-candidato pelo PSD, partido do Governador Ratinho Júnior. Afinal, desde muito pequeno convive com os bastidores de campanhas eleitorais e de mandatos eletivos.

Isso porque é filho da atual chefe regional da Secretaria da Justiça, Família e Trabalho, Maria do Carmo Ribas de Abreu, e a política está no DNA da família.

Minha mãe sempre esteve na linha de frente das campanhas do ex-prefeito Fernando Ribas Carli e do ex-deputado Bernardo Ribas Carli.

Assim, por ser da família e do grupo político ‘Carlista’, ele sempre acompanhou de muito perto, indo a comícios, reuniões nos bairros e debates, “junto com o Fernando e o Bernardo”.

De acordo com  Samuel, outras pessoas da família também tiveram mandatos eletivos. “Meu tio Carlos Eduardo Ribas de Abreu esteve como vereador em duas legislaturas. O ex-vereador Rubem Siqueira Ribas, já falecido, também era da família”.

Todavia, a ‘chama’ foi acesa quando o ex-deputado Bernardo Ribas Carli o convidou para integrar a campanha à reeleição em 2018.

Durante uma reunião, Bernardo me chamou e disse que eu tinha perfil para a política. Que tinha muito a contribuir com o grupo e com Guarapuava. Conversamos muito sobre essa possibilidade. E  vi que assim poderia contribuir para o progresso da nossa cidade. Para a melhoria da vida da nossa gente. Essa que era a minha missão.

DE JUIZ A POLÍTICO

Entretanto, a ideia de Samuel Ribas, inicialmente a ideia era ser Juiz de Direito. “Após estudar nas escolas Padre Estanislau Cebula, Visconde de Guarapuava e Belém, chegou a hora da faculdade. Estudei a maior parte do curso de Direito na Faculdade Campo Real”.

Todavia, o desejo de ‘novos horizontes’, a oportunidade de um trabalho e com o olhar voltado à magistratura, transferiu residência para Curitiba. “Lá trabalhei no Tribunal de Justiça do Paraná por mais de 10 anos, em praticamente todos os ramos do Direito. Assessorei Juízes e Desembargadores, nas áreas da família, infância e juventude, criminal. Além de cível, eleitoral, juizados especiais. E ainda violência doméstica e familiar contra a mulher e fazenda pública. Tive contato direto com as desigualdades sociais, combate à criminalidade e à corrupção e vulnerabilidade social. Sempre procurando amenizar esses problemas e resolver os litígios”.

O RETORNO À CIDADE ONDE NASCEU

O retorno de Samuel Ribas a Guarapuava ocorreu em 2017, despertando ainda mais interesse pela política. “Sempre tive a convicção de que Guarapuava era o meu lugar. Assim, retornei para a cidade onde nasci e me criei”.

Dessa forma, Samuel diz que, “no fundo”, sempre soube que esse seria o instrumento mais eficaz para ajudar as pessoas e a cidade.

A magistratura também garante essa possibilidade. Mas num momento em que a desigualdade social só aumenta, a chance maior de trabalhar para reduzir essas diferenças, criar oportunidade para todos e melhorar os serviços públicos, é sendo político.

Conforme o pré-candidato, Guarapuava se ressente com a falta de empregos e de oportunidades para as pessoas. “Guarapuava vive um momento especial. A união de lideranças políticas, liderada pelo ex-deputado Bernardo Ribas Carli, o alinhamento com o Governo do Estado, não podem ser interrompidos. Tivemos conquistas históricas em nossa cidade. Precisamos continuar crescendo com inovação, tecnologia, com a participação da sociedade. Com melhoria da saúde e educação, geração de emprego e renda, com mais oportunidade pra todos”. Nesse sentido, ele cita o empresário Odacir Antonelli como exemplo a ser seguido. “Isso pelos investimentos realizados e por acreditar em nossa cidade e na nossa gente”.

SUSPENSE

Samuel Ribas, porém, faz suspense quando é questionado sobre qual protagonismo terá nas eleições deste ano. “Depois que o ex-prefeito Fernando Ribas Carli abriu mão de de ser candidato a prefeito, tenho sido procurado por muitos grupos, lideranças e pelo povo guarapuavano. Muitos pedem que eu seja candidato a prefeito. Mas decisão mesmo só na convenção desta quarta (16)”.

MOMENTO ESPECIAL

Em meio à conversa, o pré-candidato faz uma pausa para dar um notícia especial. Ele e a esposa Anne Souza estão grávidos. “Trata-se mesmo de um momento abençoado por Deus e muito especial em nossas vidas”.

Leia outras notícias no Portal RSN.

 

Relacionadas

FALECIMENTO

Homem de 33 anos morre por enforcamento e é encontrado pela mulher

COVID-19

Nenhum caso de covid-19 foi confirmado em Guarapuava neste sábado

CAMPANHA

Número de doações de medula óssea cai 30% devido à pandemia

Comentários

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com