Corpo de Bombeiros forma mais 113 guarda-vidas no litoral

Foram mais de 600 horas de treinamento

O Corpo de Bombeiros do Paraná formou nessa segunda feira (12) mais 113 guarda-vidas, oriundos de diversas regiões do Paraná, em Matinhos, no litoral do Estado. 55 bombeiros militares (cabos e sargentos) fizeram o curso no 8º Grupamento de Bombeiros (litoral) e 58 nos 3º e 4º Grupamentos no interior do estado. A formatura de todos foi nas areias de Matinhos, e eles nadaram pelo mar até chegar a um barco inflável onde estavam as camisetas amarelas, símbolo do guarda-vidas.

“A formação dos guarda-vidas começa efetivamente bem antes do início da temporada de verão. São mais de 600 horas de treinamento para que eles fiquem completamente preparados para melhor atender as pessoas. Só nesta temporada já foram mais de mil salvamentos feitos e estes profissionais se somam aos demais”, explica o Coordenador Estadual do Verão Paraná 2017/2017, coronel Élio de Oliveira Manoel, que prestigiou a solenidade junto com o o Comandante-Geral da PM, coronel Maurício Tortato e com o Comandante do Corpo de Bombeiros, coronel Fabio Mariano de Oliveira.

“Esta é uma das maiores turmas dos últimos anos com apoio do Comandante Geral da PM e com estrutura oferecida pela Secretária de segurança pública e do Governador Beto Richa conseguimos formar estes guarda-vidas, que já participaram da operação verão durante o curso e hoje é o coroamento deles, com o recebimento da regata amarela que simboliza a atividade de guarda-vidas”, descreveu o Comandante do Corpo de Bombeiros, coronel Fabio Mariano de Oliveira.

Um dos formandos foi Camila de Lemos que lembrou da importância deste profissional no cenário da segurança pública. “É uma realização profissional e pessoal, pois já estou há dois anos na corporação, para poder fazer o melhor ao cidadão e evitar afogamentos, salvar vidas. A formatura foi emocionante, estava esperando desde o início do curso.”

FORMAÇÃO 

O curso de guarda-vidas 2017/2018 contou com carga horária de 650 horas, sendo 140 voltadas à atuação profissional e operacional, 390 de estágio supervisionado e mais 15 horas de serviço social e palestras. Estes profissionais, depois do término do Verão Paraná 2017/2018, voltam para suas unidades mais capacitados e servem também como multiplicadores de conhecimentos além de cumprirem melhor seu papel. A Coordenadora da turma do litoral foi a tenente Julia dos Santos Saldanha Frazzatto.

O serviço de guarda-vidas desempenhado pelo Corpo de Bombeiros  em rios, lagos, represas e no mar tem evoluído significativamente ao longo dos últimos anos. Por isso, de acordo com o Comandante do Corpo de Bombeiros, “se faz necessária a especialização do efetivo para o desempenho na prevenção aos incidentes na água e para uma rápida e adequada resposta aos casos de afogamento, em especial durante os meses com temperatura mais elevada e no decorrer da já conhecida temporada de verão.”

“Profissional de preparo invejável e excelente educação, o guarda-vidas é, sobretudo, a ligação entre o Estado e a sociedade, pois desempenha um papel fundamental e atua de forma preventiva junto às comunidades locais e aos turistas”, afirma o coronel Fábio.

Comentários