Acidentes registrados pela PRF caem 33% no Paraná

Ao todo foram quatro mortos e 107 feridos

*Vídeos feitos pela Polícia Rodoviária Federal mostram flagrantes de alta velocidade!

(Foto: Ascom/Polícia Rodoviária Federal)

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) registrou quatro mortes durante a Operação Semana Santa 2019 nas rodovias federais no Paraná. O número 33,3% menor do que no mesmo período de 2018, quando seis pessoas morreram.

Em balanço divulgado pela PRF nesta segunda (22) a operação, que durou quatro dias, resultou ainda em 107 feridos. As equipes da PRF atenderam 97 acidentes de trânsito. Este é o segundo ano consecutivo em que ocorre queda no total de vítimas fatais. Na Páscoa de 2017, 13 pessoas morreram.

De acordo com a polícia o excesso de velocidade e a desatenção foram as causas prováveis dos acidentes fatais. Os acidentes que resultaram nas quatro mortes aconteceram em pista seca. Três em trechos de reta. E metade, em rodovias de pista dupla.

Entre os mortos estão um motociclista, que sofreu uma queda na manhã de sexta feira (19) em Balsa Nova, na BR-277, e um pedestre atropelado na madrugada desse domingo (21) em Apucarana, na BR-369.

IMPRUDÊNCIA

A PRF informou ainda que flagrou 11,8 mil veículos acima dos limites máximos de velocidade, entre quinta feira (18) e domingo (21). O número equivale a dois flagrantes de excesso de velocidade por minuto.

Em vídeos divulgados pela polícia a imprudência de motoristas em diversas rodovias federais ficaram evidentes. Entre os flagrantes está um carro a 205 km/h, autuado na manhã de ontem (21) em Foz do Iguaçu, em um trecho da BR-277 onde o limite máximo é 80 km/h.

No mesmo local, um motociclista que transitava a 110 km/h tentou esconder a placa com um dos pés. Ele foi seguido por uma viatura, caiu e mesmo com escoriações, montou novamente na moto e ainda tentou fugir por mais dois quilômetros até ser alcançado.

Além da multa por excesso de velocidade, o motociclista, de 19 anos foi autuado por embriaguez, efetuar malabarismo, desobediência, escapamento alterado e falta de espelho retrovisor. A moto foi recolhida a um pátio conveniado da PRF. Recém-habilitado, o condutor recusou atendimento médico.

Outro motociclista foi flagrado na BR-376 em Ortigueira, trafegando a 160 km/h. O limite de velocidade no local é de apenas 60 km/h.

A PRF abordou 63 motoristas bêbados durante o feriado prolongado no Paraná. Outros 513 foram multados por ultrapassagens proibidas. E mais 42, por transportar crianças sem cadeirinha. Durante os quatro dias de operação, a PRF recuperou sete carros roubados, apreendeu 205 quilos de maconha e recolheu 231 veículos no Estado, por irregularidades.

Relacionadas

CRIME AMBIENTAL

Polícia Ambiental multa propriedade em Rebouças em R$ 178 mil

AUMENTOU

Dengue cresce no Paraná e Saúde confirma terceira morte pela doença

VIOLÊNCIA INFANTIL

Campanha contra violência infantil estimula denúncias anônimas

Comentários