Adolescente de 14 anos é baleado na cabeça em Guarapuava

Em outra ocorrência em Guarapuava, um homem de 42 anos que trabalha como segurança ficou bastante machucado após ser agredido por sete pessoas

Adolescente de 14 anos é baleado na cabeça em Guarapuava (Foto: Reprodução/Pixabay)

Um adolescente de 14 anos foi baleado na cabeça na noite dessa sexta (24) em Guarapuava. De acordo com a Polícia Militar, por volta das 20h20, a PM foi acionada para comparecer até a rua Ozorio Alves da Rocha Taques, no bairro Industrial.

Havia a informação que no endereço havia uma pessoa caída na rua. Entretanto, quando os policiais chegaram ao local, o adolescente já havia sido socorrido por terceiros e encaminhado à casa hospitalar.

Por fim, conforme testemunhas, o autor do tiro seria um homem, que teria feito o disparo sem motivo aparente. Ele fugiu em seguida e não foi encontrado. Não foi informado o estado de saúde do adolescente.

ALTO DA XV

E no começo da madrugada deste sábado (25) um homem de 42 anos foi agredido por sete pessoas em Guarapuava. Conforme o relato policial, por volta de 0h15, uma equipe do Corpo de Bombeiros que passava pela rua Alcione Bastos, no bairro Alto da XV, avistou um VW Logus parado.

De acordo com a PM, o motorista apresentava sinais de agressão, estava machucado e foi encaminhado à Upa do Batel. O carro estava em situação regular e foi liberado para um responsável. Na Upa, a equipe conversou com a vítima.

O homem disse que é segurança e possui algumas desavenças. Além disso, afirmou que estava indo para casa, quando foi abordado por sete pessoas, que o agrediram com socos e chutes. Por fim, conforme a vítima, os agressores fugiram em seguida. O homem não soube informar quem seriam essas pessoas.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

ENTRETENIMENTO

Shopping Cidade dos Lagos recebe Marcos Piangers para live beneficente de Dia dos Pais

PARCERIA DO BEM

CAD e AFH definem nova data para 'Show de Prêmios' em Guarapuava

CURSO TÉCNICO

Ainda dá tempo de garantir uma vaga em um curso técnico do Senac

Comentários