Beto é condenado em segunda instância

PSOL tenta impugnar a candidatura de Beto ao Senado

Beto e Fernanda Richa (Foto: Carta Capital/Reprodução)

O ex-governador Beto Richa, que é candidato ao Senado pelo PSDB, foi condenado em segunda instância por uso indevido de dinheiro público. Ele e a secretária de Desenvolvimento Social do Paraná, a sua esposa Fernanda Richa, fizeram uma “parada técnica” em Paris, durante viagem a França em 2015. Fernanda também foi condenada. A decisão da 4ª Câmara do TJ foi divulgada nessa terça (7).

O casal terá que ressarcir a verba gasta. A defesa de Richa disse que vai recorrer da decisão do Tribunal de Justiça do Paraná.

Por conta dessa condenação, o PSOL, que é um dos autores da ação junto com o PSTU, vai pedir a impugnação da candidatura do ex-governador ao Senado Federal.

Relacionadas

QUALIFICAÇÃO

Abertas as inscrições para seleção de alunos para curso de guarda-vidas

RIQUEZA DO CAMPO

Produção de cevada pode crescer 11% este ano no Paraná

CUIDADO COM O GOLPE

Receita do Paraná alerta para tentativa de golpe via e-mail

Comentários