Entrevista de Lula provoca polêmica

Polícia Federal contraria decisão do STF

O ex-presidente Lula (Foto: Reprodução)

A liberação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para ser entrevista pelos jornalistas Mônica Bérgamo (Folha) e Florestan Fernandes (El País) está causando polêmica. A entrevista será nesta sexta (26), das 10h ao meio-dia.

É que a Polícia Federal está propondo que a entrevista seja aberta a outros jornalistas, porém, sem direito a perguntas. Lula e os jornalistas se encontrarão numa sala da PF. O despacho foi assinado pelo delegado Luciano de Flores Lima. A Assessoria de Imprensa de Lula, porém, entende que a PF desrespeita a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF).

A NOTA

“A Superintendência do Paraná da Polícia Federal tomou uma decisão nessa quinta-feira que desrespeita o Supremo Tribunal Federal, que deu ao ex-presidente Lula o direito de conceder entrevistas. A decisão também desrespeita o trabalho dos jornalistas e dos veículos de comunicação que há oito meses obtiveram autorização para entrevista na época das eleições, ou seja, o El País e a Folha de S. Paulo, entrevistas que ficaram suspensas por oito meses devido a uma decisão liminar cassada na semana passada. A Superintendência da Polícia Federal no Paraná determinou a constituição de uma plateia para jornalistas convidados por ela própria para assistir a entrevista sem direito de fazer perguntas. A decisão viola primeiro a decisão do Supremo, já que as entrevistas devem acontecer com anuência do ex-presidente, e também os jornalistas, a prática e a ética jornalística ao permitir que profissionais de outros veículos assistam entrevistas exclusivas para outras publicações e publiquem antes uma entrevista pela qual os outros veículos lutaram na justiça por meses. O ex-presidente Lula encontra-se a disposição para dar entrevista para a Folha de S. Paulo e para o El País, conforme decisão obtida por eles junto ao Supremo Tribunal Federal. Assessoria de imprensa do ex-presidente Lula”

 

Relacionadas

TIRA-DÚVIDAS

TSE lança aplicativo para tirar dúvidas no WhatsApp nas eleições 2020

ELAS SÃO MAIORIA

Brasil tem 147,9 milhões de eleitores aptos a votar nestas eleições

AINDA DÁ TEMPO

Mega-Sena sorteia prêmio acumulado de R$ 38 milhões neste sábado (24)

Comentários