“Escola sem partido é para quem quer escola do seu partido”, diz João Arruda

Candidato participou de debate na UEL

Os candidatos a governador do Paraná foram convidados, para as considerações finais do debate do Coletivo de Sindicatos no auditório da Universidade Estadual de Londrina (UEL), a falar sobre o projeto “Escola sem Partido”, que busca vedar debates de políticos e ideológicos nas escolas do Paraná e do país.

Para João Arruda, candidato a governador do MDB, a ideia “Escola Sem Partido” é “péssima para a democracia”.

“É preciso promover mais debates e mais democracia, isto acontece na escola também. Esta conscientização é necessária, por que a partir da escola que a gente aprende a discutir e entender o que precisamos em relação ao futuro para nossas cidades, para o nosso estado e país”, ressaltou.

“Escola sem partido é para quem defende escola para seu partido e não para todos os partidos”, disparou. João Arruda assumiu o compromisso de que, em seu governo, a UEL vai voltar a ter investimentos importantes através do Estado do Paraná, “do início ao fim do meu mandato. A UEL É orgulho para todos nós, paranaenses, orgulho para Londrina e todo norte do Paraná”.

O candidato do MDB voltou a afirmar que é preciso aumentar apoio as pesquisas e projetos de extensão realizado nas universidades estaduais.

“Precisamos daquilo que se produz aqui, que se formula de ideias, políticas públicas, de uma grande parceria com o Governo do Estado”, frisou.

A intenção é combater, em conjunto, problemas na segurança pública e desequilíbrios sociais do Estado. Em relação ao debate, João Arruda lamentou a ausência dos candidatos que representam a continuidade do governo Beto Richa – Ratinho Júnior e Cida Borghetti.

“Gostaria de debater com eles, as mesmas propostas, independente de aplausos ou das vaias, temos aqui na UEL democracia. Parabéns a todos!”.

Relacionadas

RETOMADA

Servidores do Estado poderão retomar atividades presenciais

SETEMBRO AMARELO

Pandemia reforça novos cuidados com a saúde mental

INTERNET

Dentro de aldeias, escolas indígenas recebem internet

Comentários

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com