Lady Francisco morre aos 84 anos no RJ

Atriz estava internada desde 28 de abril, para fazer correção de uma fratura do fêmur

Lady Francisco teve papel marcante na televisão brasileira (Foto: Arquivo/TV Brasil)

A atriz Lady Francisco morreu nesse sábado (25), aos 84 anos, de complicações respiratórias, no Rio de Janeiro. Ela estava internada no Hospital Unimed-Rio, na Barra da Tijuca, desde o dia 28 de abril, quando entrou para fazer a correção de uma fratura do fêmur provocada por uma queda em casa.

De acordo com a Agência Brasil, com complicações respiratórias, resultado de uma isquemia, a atriz foi transferida para a Unidade de Tratamento Intensivo – UTI – depois de ser submetida a uma traqueostomia. O boletim médico divulgado pelo hospital indica que o falecimento ocorreu às 13h10, por falência de múltiplos de órgãos, decorrente de isquemia enteromesentérica, que é um transtorno vascular agudo dos intestinos.

Nascida em Belo Horizonte, Leyde Chuquer Volla Borelli Francisco de Bourbon adotou o nome artístico de Lady Francisco para a carreira que começou na sua cidade em atuações no rádio e na TV.

TRABALHOS NA TV

Em 1972, mudou-se para o Rio de Janeiro e um dos primeiros trabalhos foi na novela Jerônimo, o Herói do Sertão, na extinta TV Tupi. Depois se transferiu para a TV Globo onde participou de diversas novelas de sucesso, entre elas Escrava Isaura e Baila Comigo.

Em 2015 e 2016, atuou na série República do Peru, exibida pela TV Brasil, da EBC, em 26 episódios. A última vez que atuou em TV foi na novela Malhação: Vidas Brasileiras, em 2018. Lady Francisco teve destaque também no cinema estreando na década de 1970 em filmes como Um Verão Entre Mulheres, O Crime do Zé Bigorna e Lúcio Flávio, o Passageiro da Agonia.

O último trabalho em cinema foi este ano, no filme Goitaca, dirigido por Rodrigo Rodrigues, que conta a história de duas tribos indígenas. A atriz teve dois filhos: o diretor de televisão Oscar Francisco e a corretora de imóveis Andrea Frank.

Relacionadas

DENUNCIE

No Brasil, uma mulher é vítima de assassinato a cada nove horas

LUTO

Morre o jornalista Fernando Vannucci aos 69 anos em São Paulo

LUTA ANTI-RACISTA

No Dia da Consciência Negra e no ano todo a luta é por igualdade racial

Comentários