Morte de Zilda Arns entristece a todos os brasileiros, diz Pessuti

Curitiba – O vice-governador Orlando Pessuti disse nesta quarta-feira (13) que a morte da médica Zilda Arns é uma “notícia terrível para todos os brasileiros”. Ele lamentou a morte da fundadora da Pastoral da Criança, entidade que surgiu em 1983 em Florestópolis, interior do Paraná.
“É muito triste perder a doutora Zilda Arns, uma pessoa de personalidade muito forte, grande carisma e um senso humanitário dos maiores”, afirmou. “Todos nós, paranaenses e brasileiros, estamos entristecidos com o grave terremoto no Haiti, e mais ainda ao saber que essa tragédia custou a vida de nossa companheira Zilda Arns.”
“Resta a nós, agora, dar continuidade ao trabalho que ela desenvolvia em favor das crianças”, lembrou Pessuti. O Governo do Paraná já ofereceu ao Ministério das Relações Exteriores e à Secretaria Nacional de Defesa Civil uma equipe especial do Corpo de Bombeiros para ajudar no resgate das vítimas no Haiti. Além disso, o governador Roberto Requião decretou luto oficial de três dias no Estado.
AEN

Relacionadas

VAI COMEÇAR

Câmara marca início do período ordinário para 3 de fevereiro

NOVO PRESIDENTE

Joe Biden toma posse como 46º presidente dos Estados Unidos

VACINAÇÃO

5ª Regional de Saúde terá 5.920 doses de vacina para 20 municípios

Comentários