Motociclista morto em acidente não portava documentos e não pode ser identificado

Guarapuava – O motociclista que morreu no acidento ocorrido às 19h10min na rodovia que dá acesso ao município de Pinhão não foi identificado.
De acordo com o Instituto Médico Legal (IML) ele não portava nenhum documento e a moto Honda zero ainda não estava emplacada.
O corpo se encontra no IML à espera de que alguém o procure. O homem é moreno claro, barba rala e possui duas tatuagens. Uma delas, próxima à costela esquerda é um homem com chapéu; numa das mãos se trata de uma tatuagem tribal.
“Eu não sei o que fazer com esse corpo, se não há ninguém para identificá-lo. Se não aparecer ninguém vou fazer a necrópsia e deixá-lo na geladeira”, disse o legista de plantão à Rede Sul de Notícias, às 21h07min.
Segundo o legista, este é o 16o corpo que dá entrada no IML nos últimos 8 dias.

Relacionadas

DIREÇÃO PERIGOSA

Homem é preso por dirigir embriagado e em alta velocidade

VIOLÊNCIA

Briga entre primos acaba em morte no interior de Candói

TRAGÉDIA

Carro carbonizado com dois corpos é encontrado na estrada do Guairacá

Comentários