PM apreende armas em ocorrências de violência doméstica na Região

Em Laranjeiras do Sul, agressor deu vários tiros em direção à esposa e depois a trancou dentro de casa impedindo que ela pedisse ajuda

PM apreende armas em ocorrências de violência doméstica em Guarapuava e Região (Foto: Reprodução/Pixabay)

A Polícia Militar atendeu quatro ocorrências de lesão corporal e violência doméstica em Guarapuava e Região. Em duas delas, foram apreendidas armas. Nesse domingo (19), um motorista de aplicativo relatou à PM que recebeu uma chamada para a rua Almirante Didio Costa, no bairro Santana..

Mas ao chegar ao endereço, uma mulher entrou no carro e em seguida, o marido dela saiu da casa, vindo a chutar a porta do lado direito do carro do motorista. A porta ficou amassada. De acordo com relato do motorista, o agressor deu um golpe com facão no vidro traseiro, que quebrou.

Ao chegar ao local, a polícia se deparou com o agressor de 31 anos, em via pública portando um facão. Foi feita a abordagem. O agressor e a vítima foram levados para a sede do 16º BPM.

VILA BELA

Na na rua Miguel Bohomoletz, no bairro Vila Bela, uma mulher relatou aos policiais que o filho de 36 anos chegou em casa embriagado e que sem motivos começou a danificar a residência quebrando os vidros das janelas.

Entretanto, o agressor fugiu depois que a mãe chamou a polícia. Diante do interesse na representação por parte da mãe, em patrulhamento na Região, o agressor foi localizado. O homem foi encaminhado até a 14ª SDP com a vítima.

BOQUEIRÃO

Na rua Avestruz, no bairro Boqueirão, uma mulher informou que o filho de 21 anos é usuário de drogas e violento com ela. Ela relatou aos policiais ainda que o jovem a ameaçou e xingou com palavrões. Além disso, quebrou diversos móveis e danificou a casa.

Como o fato se repetiu outras vezes, a mulher pediu a presença da equipe e representou contra o filho. Os dois foram encaminhados para a delegacia para providências cabíveis.

(Foto: Ascom/Polícia Militar)

LARANJEIRAS DO SUL

E em Laranjeiras do Sul, também neste domingo (19), a PM atendeu uma ocorrência de violência doméstica, lesão corporal e posse irregular de arma de fogo. Uma mulher relatou aos policiais militares que estava com o marido em uma chácara na Localidade Rural de Rio Lambedor, na casa de conhecidos do casal.

Entretanto, conforme a mulher, ao retornarem o marido de 20 anos começou a discutir com ela por ciúmes. A mulher disse que foi agredida com um chute nas costas. Em seguida ela correu para um matagal e o marido deu vários tiros com uma pistola na direção da esposa.

De acordo com a PM, a mulher conseguiu acalmar o marido e foram para a casa na rua Carlos Gomes, no bairro Presidente Getúlio Vargas. Porém ao chegar ao local, o marido começou a discutir com a esposa novamente.

Os dois entraram em luta corporal, que resultou em escoriações nas mãos e braços da vítima. Em seguida, o agressor trancou a solicitante dentro da casa para que a mulher não procurasse ajuda. Porém conforme a polícia, os vizinhos avisaram os familiares da mulher, que chamaram a polícia.

O agressor confirmou os fatos e entregou voluntariamente à equipe, uma pistola marca Beretta calibre 22. A arma estava descarregada. Foram apreendidas também, 10 munições do mesmo calibre. O homem foi preso e encaminhado para a 2ª SDP.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

UTILIDADE PÚBLICA

Energisa divulga desligamento programado para Guarapuava

TRISTEZA

Morre em São Paulo a menina Marina Karan Primak

COVID-19

Guarapuava tem mais um caso positivo para a covid-19

Comentários