Saúde volta a vacinar contra gripe nesta terça (28)

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, mais 8.400 doses estarão distribuídas entre todas as Unidades Básicas de Saúde e no Cisgap

Saúde volta a vacinar contra gripe nesta terça (28) (Foto: Secom/Prefeitura de Guarapuava)

A segunda etapa de vacinação contra a gripe recomeça nesta terça (28) em Guarapuava. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, mais 8.400 doses estarão distribuídas entre todas as Unidades Básicas de Saúde e no Cisgap.

Conforme o calendário do Ministério da Saúde, serão imunizados neste momento portadores de doenças crônicas não transmissíveis, profissionais das forças de segurança e salvamento. Além de caminhoneiros, motoristas de transporte coletivo e portuários. Todos mediante apresentação de documento comprobatório da profissão.

De acordo com a chefe do Departamento de Epidemiologia, Chayane Andrad, os portadores de doenças crônicas devem levar laudo médico ou receita do medicamento de uso contínuo. Porém, a validade será de até 90 dias nas receitas. “Vale lembrar que idosos e profissionais de saúde que não foram vacinados na etapa anterior também podem se imunizar agora”.

Conforme a Secretaria de Saúde, as vacinas serão aplicadas com sistema de distribuição de senhas, para evitar aglomerações e preservar o distanciamento social. Sendo assim, a fila de espera obedecerá ao número de doses disponíveis em cada unidade.

Porém, nesta etapa, o Ministério da Saúde especificou as categorias de doenças crônicas que devem garantir a prevenção com a vacina. Assim, são elas: doenças respiratórias crônicas, doenças cardíacas crônicas, renais crônicas, hepáticas crônicas e neurológicas crônicas.

Outras condições clínicas também são citadas como diabetes, imunossupressão, obesos, transplantados e portadores de trissomias.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

CORONAVÍRUS

Covid-19: Guarapuava não registra novos casos nas últimas 24h

SOLIDARIEDADE

'Vidas por Vidas' ainda precisa de ajuda para comprar lavanderia

SAFRA 13% MAIOR

Mesmo com estiagem, PR estima safra acima de 40 milhões de toneladas

Comentários