Unicentro recebe verba atrasada

A Unicentro é uma das cinco universidades estaduais que receberam  repasses no valor de R$ 6 milhões para o pagamento de compromissos assumidos na gestão anterior que foram deixados na conta “restos a pagar”, sem previsão de receita correspondente. As dívidas estão relacionadas às universidades estaduais de Londrina (UEL), Ponta Grossa (UEPG), Maringá (UEM), Unicentro, e reitoria da Unioeste.

De janeiro até agora o governo Beto Richa já pagou R$ 236,5 milhões em contratos, convênios ou custeio na mesma situação. Apenas na primeira semana deste mês a Secretaria da Fazenda desembolsou mais de R$ 14 milhões.

Compras de medicamentos feitas no ano passado. no valor de R$ 1,388 milhão, foram pagas neste mês; o repasse para a Santa Casa de Campo Mourão somou mais R$ 743 mil, e a Fundação Araucária recebeu pagamentos no valor de R$ 900 mil.

O pagamento de obras consumiu cerca de R$ 2,7 milhões. Material e mão de obra para construções sob responsabilidade da Funpar ficaram com R$ 1,1 milhão. Quase R$ 300 mil foram aplicados em reparos de colégios estaduais. A pavimentação asfáltica do aeródromo de Castro recebeu parcela de R$ 163 mil.

Também foram repassados quase R$ 800 mil ao DER pela implantação de travessia no perímetro urbano de Abapã. Obras feitas pelo Instituto das Águas Paraná ficaram R$ 245 mil, além de R$ 144 mil pagos por obras em estradas rurais. 

 

Relacionadas

VAMOS ESTUDAR?

Senac oferece cursos técnicos na área da enfermagem em Guarapuava

DESCONTOS IMPERDÍVEIS

Black Friday: Faculdade Guarapuava oferece descontos nas mensalidades

QUE TAL SE TORNAR DOUTOR?

Unicentro anuncia autorização para oferta de Doutorado em Letras

Comentários