Arte² da Unicentro reúne trabalhos artísticos nas redes sociais

A exposição pode ser vista pelo perfil do Instagram, devido as medidas de seguranças em meio da pandemia da covid-19

Arte² da Unicentro reúne trabalhos artísticos nas redes sociais (Foto: Reprodução)

A exposição Arte² está no ar!

O principal objetivo desse projeto da Unicentro é que todas as obras sejam em formato de um quadrado. A exposição agora ocorre no ambiente virtual, no Instagram. A Arte² se construiu a partir do duplo sentido da expressão “Em quadrados”. Com isso, remete ao formato das obras e ao isolamento social.

De acordo com a professora Níncia Teixeira, diretora de Cultura da Unicentro, a proposta foi bem aceita. “A exposição propõe variados olhares para a pandemia. Mas, isso vai variar de acordo com a visão de cada artista. Dessa maneira, observam-se alguns sentimentos como medo, angústia e incerteza”.

Os artistas criaram 224 obras, nos mais variados estilos e recursos. Desse modo, o fato da exposição ser virtual possibilitou uma novidade interessante. A inclusão do audiovisual que possibilita a incorporação de vídeos.

Conforme a professora Érica Gomes, ela organizou essa diversidade de obras artísticas. Desse modo, é a responsável pela curadoria da exposição. “Eu pensei nas recorrências e cheguei a essa organização. Eu tive que relacionar elementos que de algum jeito tinham que dialogar nas passagens”. Assim, ela organizou a exposição em quatro grupos. O Frestas e Fenestras, Hábitos e Habitat, Reencontros e Rearranjos e o Novo Normal.

A exposição virtual Arte² está completa e pode ser vista no perfil do Instagram. Conforme a Diretoria de Cultura, o intuito é organizar uma exposição física. Mas, isso só será possível quando as atividades presenciais retornarem.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

INFLUENCIANDO BONS HÁBITOS

Ana Lopes ganha destaque no Instagram com dicas para leitura e plantas

GINÁSTICA RÍTMICA

Ginastas de Guarapuava são finalistas em torneio internacional

FAZER O BEM

Ford Fancar doa mais de mil litros de leite para ACPAC em Guarapuava

Comentários