Campanha em prol do menino Nathan busca doações

Além da venda de chinelos bordados, outras ações contribuem com o menino, como a venda de artesanatos e o apoio de pessoas e empresas

Familiares e amigos do jovem, Nathan William Patrzyk, iratiense que é portador de Distrofia Muscular de Duchenne, estão empenhados em mais uma campanha que visa levantar recursos para ajudar no tratamento contra a doença.

Dentre as ações, a venda de máscaras, produtos em MDF e chinelos bordados tem contribuído na campanha Força Nathan – Amigos Para Sempre, lançada desde que o menino descobriu a condição. Para isso, a família de Nathan e voluntários que desempenham a iniciativa buscam doações de peças para a confecção gratuita de chinelos bordados.

A estudante de Medicina, Carla Biniara, idealizadora da iniciativa, conta que a ideia começou pequena, mas ganhou grandes proporções.

Comecei ajudando o Nathan confeccionando as peças no meu tempo livre de férias, e, com o resultado das vendas, me comprometi a continuar ajudando. Junto com a família, já conseguimos algumas doações, mas ainda pedimos que as pessoas possam contribuir.

As doações podem ser feitas dos chinelos no modelo “Havaianas”, da numeração 35/36 até 39/40. Além das pedrarias que embelezam as peças.

A gente sempre pode ajudar de alguma maneira. Sei que está fazendo muita diferença na vida do Nathan e sua família. Pedimos que as pessoas ajudem com doações das peças para a confecção ou até mesmo com a divulgação da ação.

Além da venda de chinelos bordados, outras ações contribuem com o menino, como a venda de artesanatos, o apoio de pessoas e empresas que destinam tempo, trabalho e parte de recursos para o tratamento de saúde do jovem.

(Foto: Divulgação)

Sendo assim, as doações podem ser feitas também nas contas da campanha.

Informações por meio do telefone (42) 9 9823 1662.

*Com informações do Portal Clique

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

UMA BOA AÇÃO

Ciclista pedala mais de 300 km para incentivar doação de órgãos

MAIS CULTURA DURANTE A PANDEMIA

Orquestra Sinfônica do Paraná faz concertos virtuais de gratuitos

SOLTA O SOM

Trio GauchoNejo, juntando o que os paranaenses amam

Comentários