Novo clipe de Beyoncé, é lançado com alto teor político

Jonas Laskouski

Estados Unidos – Uma das grandes estrelas pop da atualidade, Beyoncé sabe o poder que tem. Apoiadora entusiasta de Barack Obama, a cantora acaba de lançar sua mais nova música, já com vídeo clipe e apenas um dia antes de sua apresentação no show de intervalo do Super Bowl americano, convidada da banda Coldplay, que aconteceu neste domingo (08).

Formation vem com muitas referências históricas e sociais e desnuda o racismo nos Estados Unidos da América. Na canção, é possível ouvir um sample da voz de Messy Mya, taxista negro torturado e morto por policiais brancos em 1991. "Parem de atirar em nós", ela diz, numa crítica direta aos também policiais brancos que mataram outros jovens negros nos últimos anos, gerando uma onda de protesto naquele país. Beyoncé ainda lembra do furacão Katrina que devastou a cidade de Nova Orleans, de maioria negra e conhecida não só pelo jazz, mas por haver ainda muitos conflitos raciais. A mensagem é forte. Veja na RedeSul TV.

MAIS VÍDEOS

Comentários