Feriadão foi tranquilo nas estradas estaduais na Região de Guarapuava

Acidentes diminuíram, mas números de mortos aumentaram no Estado

O 2º Pelotão da 5ª Companhia do Batalhão de Polícia Rodoviária, em Guarapuava, não registrou nenhuma morte durante a Operação Páscoa 2019. A redução do número de acidentes chegou a 40%.

O Posto Policial de Guarapuava é responsável por oito municípios, que somam 386 quilômetros de rodovias estaduais da Região de Guarapuava. O Comandante do 2º Pelotão, 1º Tenente Zarpelon, afirmou que a diminuição do número de acidentes é resultado do esforço policial. “O esforço policial ocorreu de forma ininterrupta e gerou os efeitos positivos esperados”.

A polícia divulgou ainda, que houve o aumento em 385% do número das autuações e de 121% do número de testes de bafômetro, números que demonstram o empenho policial nestes dias.

(Foto: Ascom/Polícia Rodoviária Estadual)

NO ESTADO

Em todo o Estado Polícia Rodoviária Estadual registrou uma queda de 24,69% no número de acidentes durante o feriado de Páscoa em 2019. Entretanto, houve aumento no número de mortos. Ao todo, durante quatro dias de operação, foram registrados 61 acidentes, sendo quatro atropelamentos, com 55 pessoas feridas e 11 mortes, além de quatro prisões por embriaguez ao volante. No mesmo período do ano passado foram seis mortos e 74 feridos.

A fiscalização foi reforçada desde às 14h de quinta feira (18) até às 23h59 desse domingo (21). As ações foram nos Postos Rodoviários e em pontos estratégicos e resultaram em 1.551 autuações, 5.038 flagrantes de excesso de velocidade registrados por radar e 1.198 testes de bafômetro.

GRAVIDADE

Somente na sexta feira (19), três acidentes registraram oito mortes. O primeiro foi na PR-323 entre Umuarama e Perobal, onde seis pessoas morreram. Outro acidente, na mesma rodovia, uma colisão frontal entre dois carros, provocou outra morte. Na PR-437, em Alvorada do Sul, um motociclista morreu.

Em comparação com a Páscoa de 2018, o número de acidentes caiu 24,69%, de 81 para 61, e o de feridos foi 25,68% menor, de 74 para 55. Houve também pequena queda na quantidade de autuações, de 2,94% – foram 1.598 na Páscoa passada contra 1.551 este ano.

Relacionadas

QUALIFICAÇÃO

Abertas as inscrições para o Congresso Brasileiro de Medicina do Esporte

INSCRIÇÕES ABERTAS

Aberto o credenciamento para atuação na área esportiva no Litoral do PR

“CONTOS DE QUARENTENA”

VII Concurso de Contos quer valorizar a produção literária na pandemia

Comentários