Agora, cidadão comum

Guarapuava – A mãe de Gilmar Rafael Yared, Cristiane, e o pai, Gilmar, disseram que o caminho para que a justiça seja feita agora está mais curto.
O casal se refere à perda do foro privilegiado por parte do ex-deputado estadual Fernando Carli Filho que renunciou ao mandato na tarde de ontem, sexta-feira.
Ele está envolvido no acidente que matou Gilmar Raafel Yared e Luiz Murilo de Almeida, por dirigir bêbado e em alta velocidade.
“Sempre pedimos para que o deputado fosse julgado como um cidadão comum”, disse Cristiane. “Mas a dor de uma mãe que perdeu seu filho, não se alivia nunca”, desabafou Cristiane.

Comentários