Agricultura lança cartilha ajudando as pessoas a terem uma horta em casa

A Secretaria Estadual lançou a cartilha 'Horta como Hobby' ensinando a população a plantar alimentos em casa

Agricultura lança cartilha ajudando as pessoas a terem uma horta em casa (Foto: Reprodução/Pixabay)

A Secretaria da Agricultura e do Abastecimento lançou nesta semana a cartilha ‘Horta como Hobby’, com dicas sobre como cultivar produtos alimentícios em casa. Dessa maneira, o Departamento de Segurança Alimentar e Nutricional (Desan) criou a cartilha, que indica as melhores épocas e as propriedades nutricionais e terapêuticas. Além disso, a ação marca a semana do Dia Mundial da Alimentação.

DIA MUNDIAL DA ALIMENTAÇÃO

A data é celebrada em mais de 150 países desde 16 de outubro de 1945. Além disso, celebra a fundação da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO). Dessa maneira, o Estado organizou ações para destacar a Semana Estadual de Conscientização sobre o Desperdício de Alimentos, que vai do dia 12 a 16 de outubro.

(Foto: Reprodução/Pixabay)

LEMA

Este ano, a ONU escolheu o tema “Cultivar, Alimentar, Preservar. Juntos. As nossas Ações são o nosso Futuro”. Desse modo, a cartilha preparada por especialistas do Desan segue as orientações desse lema. Além disso, as diretrizes estaduais para se evitar o desperdício de alimentos. Na apresentação, o material indica que o manejo da terra traz bem estar físico e emocional a quem pratica.

Sabe-se que o manejo da terra e a produção dos próprios alimentos geram não só uma redução dos custos com a alimentação e uma maior segurança alimentar e nutricional para as famílias de menor renda. Como também remete à sensação nostálgica da produção no campo, proporcionando bem-estar físico e emocional.

Confira aqui a cartilha na íntegra.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

BOA AÇÃO

Grupo 'Duelo do Bem' começa as reformas no hospital Santa Tereza

TIRA-DÚVIDAS

TSE lança aplicativo para tirar dúvidas no WhatsApp nas eleições 2020

ELAS SÃO MAIORIA

Brasil tem 147,9 milhões de eleitores aptos a votar nestas eleições

Comentários