Briga pela vaga deixada por Carli Filho vai parar na Procuradoria da Assembleia

Guarapuava – A briga pela vaga deixada pelo ex-deputado estadual Fernando Carli Filho na Assembleia continua.
Dois suplentes estão na disputa e o presidente da Assembleia, Nelson Justus, informou durante a sessão de ontem, segunda-feira, que encaminhou pedido para que a Procuradoria da Casa se manifeste sobre o assunto.
Caberá à Procuradoria orinetar a presidência se quem assumirá será o advogado Wilson Quinteiro (PSB) de Maringá ou o ex-prefeito de Paranaguá, Mário Roque (PMDB).
É que Mario Roque ficou com a primeira suplência após as eleições de 2007, mas trocou o PSB pelo PMDB. “Já assumi a vaga quando o deputado Reni Pereira se licenciou para tratar de sua saúde. Eu sou o primeiro suplente”, afirmou Roque em entrevista à rádio Banda B.
Wilson Quinteiro entende a vaga é sua e argumenta que Roque deixou o PSB por vontade própria. Ninguém está passando por cima do TSE, do TRE ou da Assembleia. É uma matéria pacificada e resolvida de acordo com a legislação eleitoral brasileira. A vaga é do partido”, afirmou.

Comentários