Burko está inelegível, confirma o Tribunal Regional Eleitoral

Por 3 votos contra 2, a Corte confirmou a sentença dada pelo juiz eleitoral Ricardo Alexandre Spessato de Alvarenga, de Guarapuava

Burko está inelegível, confirma o Tribunal Regional Eleitoral (Foto: arquivo/RSN)

O Tribunal Regional Eleitoral acaba de negar o provimento do recurso de Vitor Hugo Burko (DEM). Assim sendo, o candidato a prefeito de Guarapuava continua inelegível. Portanto, por 3 votos contra 2, desembargadores confirmaram a sentença do juiz Ricardo Alexandre Spessato de Alvarenga, de Guarapuava. Entretanto, Burko ainda poderá recorrer em terceira instância, junto ao Superior Tribunal Eleitoral (TSE). Assim sendo, embora prevaleça a inelegibilidade, Burko participará da campanha até o fim. Isso, caso não haja nenhuma ação de coligações oposicionistas  que o impeça de continuar pedindo votos. Ou seja, se isso não ocorrer, o candidato ainda está apto a participar também de debates e outros compromisso de campanha.

Conforme a pauta do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), o julgamento ocorreu em duas sessões. A primeira, na segunda (9), teve pedido de vistas ao processo. Porém, o desembargador Carlos Alberto Costa Ritzman, autor desse pedido, optou por acompanhar o voto do relator Roberto Ribas Tavarnaro. Ou seja, deu parecer pelo desprovimento do recurso ‘burkista’.

Assim, a ‘novela’ que envolve a condenação já transitada em julgada contra Burko no Tribunal de Contas da União continuará após as eleições de 15 de novembro. O ex-prefeito está condenado à revelia por irregularidades na prestação de contas que envolve casas do programa ‘Morar Melhor’.

Leia outras notícias no Portal RSN.

 

Relacionadas

EXPLOSÃO DE LUZ

Centro, bairros e distritos terão iluminação de Natal em Guarapuava

EXPLOSÃO DE COVID-19

Guarapuava já confirmou mais de 3 mil casos de covid-19

CONTINUAÇÃO

Júri de Manvailer deve ocorrer em 25 de janeiro em Guarapuava

Comentários