Canil Municipal castra 150 fêmeas nesta terça em Guarapuava

Em 2019 o Canil Municipal recolheu mais de 600 cães e gatos das ruas de Guarapuava. Na maior parte, são animais abandonados pelos donos

Canil Municipal castra 150 fêmeas nesta terça em Guarapuava (Foto: Divulgação)

O Canil Municipal de Guarapuava está castrando cães que vivem na unidade, nesta terça (16). De acordo com a coordenadora do local, Ivana Martins, serão castradas 150 fêmeas.

Conforme Ivana, a ideia inicial era escolher um bairro da cidade e castrar os cães na própria localidade. “Porém, devido a pandemia mudamos os planos para evitar aglomeração e resolvemos levar a Unidade Móvel para o canil. Assim fizemos um plano de ação para castrar todas as fêmeas abrigadas lá”.

Entretanto, segundo Ivana, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente já analisa uma programação para os próximos meses para atender os bairros, conforme se encaminhe a situação da pandemia.

De acordo com a coordenadora do canil, a busca por um castramóvel é antiga. “Além de ter um que foi adquirido esse mês pelo município, agora também temos essa opção que participa de licitações no Brasil inteiro e participaram aqui em Guarapuava também”.

A IMPORTÂNCIA DA CASTRAÇÃO

Acompanhando a causa animal em Guarapuava há 15 anos, Ivana ressalta a importância da castração de cães por parte dos donos de animais. “Não há dúvidas que reduziremos a questão do abandono e maus tratos incentivando e ajudando a população a castrar seus animais. Sabemos que a castração é um ato de amor, muito importante na saúde do animal, pois contribui para que o pet tenha uma vida mais saudável”.

Segundo o canil municipal, em 2019 foram resgatados mais de 600 animais das ruas da cidade, entre cães e gatos. Conforme Ivana, a maioria com ferimentos graves que não resistem e morrem. “Os animais resgatados são tratados no canil antigo. Quando estão curados são levados para a unidade nova para adoção”.

Durante o plantão de fim de semana foram adotados 11 cães.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

CULTURA E ARTE

'Circuito Arte Viva' vai receber doações e ajudar artistas locais

INFRAESTRUTURA

Transporte de grãos por ferrovia cresce 128% do Oeste para Paranaguá

DESAPARECIMENTO

Murisco está sumido em Guarapuava desde o dia 2 de julho

Comentários