Casos suspeitos de Dengue em Prudentópolis aumentam 116% em uma semana

Em todo o Paraná o estado é de alerta. A Secretaria de Saúde pede ajuda da população para combater possíveis focos do mosquito

Em Guarapuava 20 casos suspeitos já foram registrados (Foto: Arquivo/RSN)

O avanço da Dengue em todo o Estado tem deixado a Secretaria de Saúde em estado de alerta. Em Prudentópolis, em apenas uma semana, sete novos casos suspeitos foram registrados. Na 5ª Regional em Guarapuava o crescimento foi de 34%.

Na semana passada o boletim epidemiológico da doença, divulgado pela Sesa, informava que Prudentópolis contava com seis registros de casos suspeitos da doença. Já nesta semana, o número subiu para 13. A Secretaria Municipal de Saúde de Prudentópolis, promoveu uma ação no dia 24 de janeiro que movimentou todas as secretarias da cidade, por conta de dois casos confirmados no ano epidemiológico.

O objetivo foi encontrar novos focos e conscientizar a população sobre a importância de combater os criadouros dos mosquitos. Na ocasião, seriam aplicadas multas aos imóveis com reincidência na localização de possíveis focos. O Portal RSN, pediu dados sobre a ação. A Secretaria em nota informou que o mutirão fez 9.800 verificações de imóveis.

Além disso, foram recolhidos mais de nove toneladas de objetos que poderiam acumular água sendo potenciais criadouros. Ainda foi feita a notificação de imóveis com a aplicação de multa. Assim, de acordo com a secretaria, “o intuito da promoção dessas atividades é a conscientização e colaboração da população sobre a eliminação dos criadouros com água parada, onde o mosquito deposita seus ovos”.

A orientação da chefia da 5ª Regional é que a população se mantenha alerta e evite acúmulo de água.

5ª REGIONAL

Os casos suspeitos também aumentaram na 5ª Regional de Saúde, cuja sede é em Guarapuava. Dos 20 municípios pertencentes à esta Região, seis tem casos em investigação: Guarapuava, Laranjeiras do Sul, Nova Laranjeiras, Pinhão, Pitanga e Prudentópolis.

Assim, em Guarapuava, na semana passada havia 17 casos suspeitos registrados. Nesta semana o número chegou a 20. Seis ainda estão sendo investigados. Um caso importado foi confirmado. Outros 13 já foram descartados.

Já em Laranjeiras do Sul, o número de registros saltou de oito para 11 em uma semana. Nenhum caso foi confirmado. Três seguem em análise. Entretanto, em Nova Laranjeiras, não houve aumento do número de casos e os dois únicos registros no município ainda estão sendo estudados.

Além disso, em Pinhão e Pitanga também não houve novos casos suspeitos. Dos cinco casos registrados nas duas cidades, quatro ainda estão sendo analisados.

NO ESTADO

Ainda de acordo com o boletim divulgado pela Sesa em uma semana foram 14.697 casos confirmados de dengue. São 3.815 casos a mais que a semana anterior, que apresentava 10.882. O aumento é de 35,06%.

“Alertamos a todo o paranaense, independente da Região de residência, para a necessidade de eliminarmos os criadouros do mosquito transmissor da doença; cerca de 90% dos focos estão nos quintais e pátios e nos ambientes internos das residências e das empresas privadas e públicas; precisamos do apoio de todos nesta ação de remoção, pois o período de maior transmissão dengue ainda não chegou”, afirma o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto.

Além disso, aumentaram os municípios em situação de epidemia; eram 34 e agora são 50. Entraram para esta relação: Indianópolis, Itaúna do Sul, Mirador, Planaltina do Paraná, Porto Rico. Além de Santo Antônio do Caiuá, São João do Caiuá, São Pedro do Paraná, Terra Rica, Atalaia, Itaguajé. E ainda, Nossa Senhora das Graças, Presidente Castelo Branco, Santa Fé, Uraí e Porecatu.

São 29 os municípios em situação de alerta para dengue; 15 entraram para esta lista a partir deste boletim: Nova Aurora, Engenheiro Beltrão, Altônia, Brasilândia do Sul,  Cruzeiro do Oeste, Umuarama, Amaporã, Nova Londrina, Querência do Norte, Maringá, Nova Esperança, Sarandi, Andirá, Rancho Alegre, e Arapuã.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

MAIS UMA MORTE

33ª morte por covid-19 é confirmada em Guarapuava

SISTEMA ON-LINE

Programa Guarapuava Digital oferece agilidade e economia

NOVIDADE

Franquia OdontoTop inaugura unidade em Guarapuava nesta sexta (4)

Comentários