Com 1,025 milhão de turistas, Usina de Itaipu bate recorde de visitação em 2019

A usina é o segundo destino turístico mais visitado da Região. Ficando atrás apenas do Parque Nacional de Iguaçu que alcançou 2 milhões de visitantes

A usina fica na fronteira entre o Brasil e o Paraguai (Foto: Alexandre Marchetti/Itaipu Binacional)

O turismo no Brasil não para de crescer. A usina de Itaipu, localizada em Foz do Iguaçu, na fronteira com o Paraguai, bateu recorde de visitação dois dias antes de terminar o ano de 2019. Assim, o número registrado foi de 1,025 milhão de turistas. Eles conheceram de perto a maior usina hidrelétrica do mundo em geração de energia limpa e renovável. O número supera os 1.024.549 registrados em 2018.

A dentista Creusa Sousa e o professor Daniel de Aquino Neto saíram de Manaus (AM) para conhecer o atrativo e foram homenageados como os visitantes de número 1,025 milhão. “Foi uma grande surpresa e estamos muito emocionados”, afirmou Daniel. Foi a primeira visita do casal à hidrelétrica.

SEGUNDO LUGAR

De acordo com a assessoria de imprensa no Ministério do Turismo, a usina é o segundo destino turístico mais visitado da Região. Ficando atrás apenas do Parque Nacional de Iguaçu que acaba de alcançar a marca inédita de 2 milhões de visitantes. “Os números mostram que estamos no caminho certo para alcançar nosso objetivo de aumentar o número de turistas internacionais e domésticos no Brasil. Além de estruturar e desenvolver as regiões turísticas brasileiras”, comemorou o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio.

Além disso, o diretor-geral brasileiro de Itaipu, general Joaquim Silva e Luna, destacou que o turismo é a principal atividade econômica da Região. Isso porque gera renda e emprego para os moradores. “Foz do Iguaçu e Região têm vocação para o turismo. Assim, o crescimento desta atividade econômica gera benefícios para toda a sociedade. A Itaipu contribui porque faz parte de sua missão atuar no desenvolvimento regional”, completou.

Proporcionalmente, o mês com melhor desempenho para o turismo de Itaipu foi junho de 2019, com salto de 33,6% em relação ao mesmo período do ano passado. Já o mês com maior visitação foi janeiro, com 128.840 turistas. Na margem brasileira, os três atrativos mais procurados pelos turistas foram a Visita Panorâmica, o Ecomuseu e o Circuito Especial. Na margem paraguaia, a Visita Panorâmica também foi a mais procurada, seguida do Museu da Terra Guarani e do Refúgio Biológico Taty Yupi.

CONHEÇA A USINA

O Complexo Turístico Itaipu (margem brasileira) conta, atualmente, com oito passeios. Em “Itaipu Especial”, o visitante faz um percurso no coração da usina. Assim, conhece áreas internas e externas. O passeio mais popular, “Itaipu Panorâmica”, é a bordo de ônibus double-decker que leva os visitantes por um passeio pelos ângulos mais impressionantes de Itaipu.

Além disso, a “Itaipu Iluminada” é uma chance de ver a usina de uma forma diferente, à noite, num show de luzes de tirar o fôlego. Ainda o turista que opta pelo passeio “Itaipu Refúgio Biológico” conhece a unidade de proteção ambiental da Itaipu, criada para preservar a fauna e a flora durante a formação do reservatório da usina. A experiência é ampliada com aprendizado sobre o meio ambiente.

Moradores de Foz do Iguaçu e de municípios próximos possuem gratuidade em alguns passeios. Para mais informações sobre visitação, horários e valores acesse o site.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

FACILIDADE

Financiamento da casa própria já pode ser feito por app da Caixa Econômica

DESIGUALDADE

Prisões de negros crescem 14% nos últimos 15 anos no Brasil

AUXÍLIO COM RESTRIÇÕES

Bolsonaro sanciona com vetos, auxílio emergencial para setor esportivo

Comentários