Começam as obras da ala de Radioterapia do HC em Guarapuava

De acordo com Odacir Antonelli, a obra terá um custo de R$ 5.714.883,22 e estará concluída em 12 meses, no bairro Cidade dos Lagos

Autoridades anunciam o início das obras de Radioterapia (Foto: Cristina Esteche/RSN)

As obras do espaço que vai abrigar a unidade de Radioterapia do Hospital do Câncer em Guarapuava começam nesta quinta (2). O anúncio foi feito pelo presidente do Conselho Gestor, o empresário Odacir Antonelli e pelo provedor do Hospital São Vicente, Huberto Limberger.

De acordo com Antonelli, a obra terá um custo de R$ 5.714.883,22 e estará concluída em 12 meses, no bairro Cidade dos Lagos. A obra reúne recursos de órgãos públicos e privados, sendo 20% deles da administração pública municipal.

Conforme o projeto, serão 776.62 metros quadrados de área construída para abrigar um ‘bunker’ que receberá o equipamento para a radioterapia. Entretanto, segundo Antonelli, a intenção é contar com mais um equipamento. “Vamos em Brasília em busca de emendas parlamentares para dois aceleradores”.

Bloco 2: unidade de internamento (Foto: Cristina Esteche/RSN)

ATENDIMENTO REGIONAL

Com essa obra o Hospital do Câncer, braço do Hospital São Vicente, contará com três blocos para atender 20 municípios da 5ª Regional de Saúde, sediada em Guarapuava. O universo populacional é de 500 mil habitantes.

A primeira unidade, o Câncer Center iniciará o atendimento no dia 1 de agosto deste ano. Assim, nos dias 22, 23 e 23 de julho uma agenda vai permitir a visitação da imprensa e de autoridades. Conforme Limberger, será uma apresentação das instalações, tanto da quimioterapia quanto do Instituto do Câncer.

Câncer Center (Foto: Cristina Esteche/RSN)

De acordo com o provedor, a área destinada a internamentos terá 90 leitos de enfermaria, outros 10 de UTI e cinco salas no Centro Cirúrgico. “Estará pronto no fim de 2021”.

Para o prefeito Cesar Silvestri Filho, esse é o começo da concretização de uma iniciativa que transformará vidas. “Vamos qualificar o serviço de saúde para aproximadamente meio milhão de pessoas que deixarão de viajar por horas e horas, rumo a outras Regiões do Estado, para trazê-los aqui, perto de casa, onde receberão um dos melhores tratamentos de câncer do Paraná”.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

NOVAS DETERMINAÇÕES

Decreto autoriza retorno de faculdades particulares em Guarapuava

ROTINA

Mulher é encontrada às margens da PR-466 após agressão

LESÃO CORPORAL

Morador é ferido com golpe de faca pelo cunhado em Guarapuava

Comentários