Coronavírus: Paraná vai contratar profissionais e estudantes da Saúde

Para Guarapuava e Região, o Estado destinou 63 bolsas de estudo destinadas à Unicentro. Os salários variam entre R$ 800 e R$ 4 mil por mês

Contratação de bolsistas vai reforçar o atendimento da saúde (Foto: Gilson Abreu/ANP)

Visando o controle do novo coronavírus e o atendimento das vítimas, a Superintendência Geral de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Seti) do Governo do Estado autorizou nesta sexta (20), a contratação de profissionais e estudantes da Saúde por meio de um edital.

Assim, serão R$ 8 milhões investidos em bolsas para estudantes de graduação, pós-graduação e recém formados. São 582 profissionais que atuaram nas Regionais de Saúde, no Laboratório Central do Estado, Centro de Informações Estratégicas em Vigilância e Saúde, além do atendimento em centrais de informações nas divisas rodoviárias do Paraná.

No anúncio feito nesta sexta (20), o superintendente de Ciência e Tecnologia do Estado, Aldo Bona, afirmou que esta “é uma oportunidade que atende a necessidade do povo do Paraná”. Como um dos dirigentes do Governo Estadual, ele “conclama todas as forças para sairmos vencedores o quanto antes desta batalha”.

Os interessados devem, primeiramente, ler o edital e inscrever-se até às 23h59 da próxima segunda (23) neste site. Os resultados serão divulgados na terça (24) no site da Fundação Araucária.

Além da Unicentro, outras oito universidades do Estado terão bolsas de estudo para a Saúde (Foto: Ascom/Unicentro)

Guarapuava

O Governo definiu por meio de chamada pública, que Guarapuava e Região receberão 63 bolsas de estudo destinadas à Universidade Estadual do Centro-Oeste (Unicentro). Os salários variam de R$ 800 para os 12 atendentes das centrais de informações, a até R$ 4 mil para os seis atendentes das unidades de Saúde na área da medicina.

O Estado prevê um gasto de R$ 416.800 para o pagamento destes funcionários durante quatro meses. Porém, de acordo com o edital, a qualquer momento a chamada poderá ser revogada ou anulada, por decretos governamentais ou exigência legal.

Por fim, além de Guarapuava, os interessados poderão se inscrever para trabalhar em outras nove cidades do Estado.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

FALECIMENTO

Homem de 33 anos morre por enforcamento e é encontrado pela mulher

COVID-19

Nenhum caso de covid-19 foi confirmado em Guarapuava neste sábado

CAMPANHA

Número de doações de medula óssea cai 30% devido à pandemia

Comentários

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com