Em Guarapuava, Cida diz que o Paraná terá segundo turno

Candidata à reeleição participou de evento na sede da Sociedade Rural nesta quarta feira (3)

Cida Borghetti em Guarapuava (Foto: RSN)

A governadora Cida Borghetti disse em Guarapuava, nesta quarta feira (3), que está confiante que o Paraná terá segundo turno nas eleições deste ano. Ela se baseia nas últimas pesquisas de intenções de votos, que apontam crescimento no seu nome. Uma vez se comprovando a tendência abordada pela governadora, ela diz que ganhará as eleições. Na visita, ela prometeu fazer um governo com respeito, aberto ao diálogo e que continuará trabalhando de domingo a domingo.

Para Guarapuava, Cida voltou a confirmar o seu apoio à implantação do Hospital de Oncologia; o funcionamento do Hospital Regional Bernardo Ribas Carli e do Centro de Especialidades. Lembrou também da proposta de combate à violência contra a mulher e fez referência ao crime fatal contra a advogada Tatiane Spitzner, cujas imagens chocaram ao mundo. Cida lembrou que enviou a Guarapuava um veículo para a Patrulha Maria da Penha, ampliou o Botão do Pânico e nomeou a nova delegada da Mulher.

Cristina Silvestri (Foto: RSN)

Para a candidata Cristina Silvestri, presente ao encontro que aconteceu na sede da Sociedade Rural de Guarapuava, Cida é uma governadora comprometida com a família, de “atitudes fortes e decisivas”, citando a atuação junto aos contratos do pedágio. A governadora discute um novo formato para as concessões e propõe a redução de 50% nas tarifas, além de ter solicitado o cancelamento da cobrança nas praças do Anel de Integração, após as denúncias feitas recentemente.

A autorização do curso de medicina na Universidade Estadual do Centro-Oeste (Unicentro), com vestibular já realizado, também foi citado por Cristina Silvestri como ato da governadora.

Artagão Júnior (RSN)

Para o deputado Artagão Júnior, também presente ao evento, o Paraná precisa continuar tendo uma governadora municipalista. Ele fez referência especial ao candidato ao Senado Alex Canziani, que acompanhou Cida, e lembrou o candidato contempla Guarapuava por ter escolhido o seu irmão, o empresário Leonardo Mattos Leão, como suplente.

Relacionadas

EXPLOSÃO COVID-19

Em 24h, Guarapuava registra 71 novos casos de covid-19

FALTAM 3 DIAS

“Ficou nítida a dissimulação do réu preso", diz advogado de família Spitzner

SÚMULA

Súmula de recebimento de licença prévia

Comentários