Empossada a nova Delegada da Mulher de Guarapuava

Ana Carolina Hass de Miranda Castro assumiu o cargo nesta segunda (6). Ao todo, 11 delegadas já passaram pela pasta

Ana Carolina está há quatro anos na Polícia Civil (Foto: Caio Budel/RSN)

Após pouco mais de um mês sem titular, a Delegacia da Mulher recebeu, nesta segunda feira (6), a nova responsável pela pasta. Ana Carolina Hass de Miranda Castro é de Curitiba, mas atuava até o mês passado na delegacia de Cândido de Abreu. Ela está há quatro anos na Polícia Civil. A cerimônia de posse ocorreu na OAB Guarapuava.

Ana Carolina assume a Delegacia da Mulher em Guarapuava em um momento delicado, quando o município está sendo acompanhado por olhares de todo o Brasil devido a trágica morte da advogada Tatiane Spitzner.

Antes de Ana Carolina ser designada para Guarapuava, a delegada Amanda Ribeiro era a responsável. Ela pediu transferência para Formosa do Oeste. Outras 11 delegadas já passaram pela Delegacia da Mulher do município.

“Eu assumo a Delegacia da Mulher em um momento emblemático devido ao último caso de grande repercussão ocorrido na cidade. Caso muito bem trabalho pela equipe que conduziu as investigações. Então eu chego agora com toda a humildade possível, pretendendo manter o bom trabalho já realizado aqui e aperfeiçoando o que puder ser aperfeiçoado”.

Esta não é a primeira vez que Ana Carolina assume uma delegacia da mulher. Ela já atuou em repartição do mesmo gênero, só que na capital paranaense.

Infelizmente o cenário de violência contra a mulher não é exclusivo de Guarapuava. Está enraizado na nossa cultura. Assumindo a delegacia, a minha intenção é de não apenas fazer atividades repressivas, mas também, junto a outras instituições, fazer parcerias para que a gente possa organizar políticas de prevenção e educativas. Justamente para tentar diminuir, pelo menos, o número de ocorrências deste tipo de crime.

TRABALHO CONJUNTO

O trabalho de Ana Carolina, em diversos momentos, se encontrará com a atuação da Rede de Enfrentamento de Violência Contra a Mulher, composta, entre outras entidades, pela Secretaria Municipal de Políticas Públicas para as Mulheres de Guarapuava.

Na visão da secretária Priscila Schran, a chegada de Ana Carolina à Delegacia da Mulher trará o cuidado e atenção que o setor merece. Neste um mês que a pasta ficou descoberta, apenas os casos considerados mais graves foram investigados.

“Quando a doutora Amanda saiu, nós sabíamos que outra pessoa viria. Mas foram 30 dias que a delegacia acabou tendo que atender somente os casos que são considerados mais graves. Só que dentro da violência contra a mulher, a gente não pode deixar nada para depois, porque as vezes, o que aparenta ser menos grave, pode se tornar algo mais grave, como um feminicídio. Por isso, a presença da Ana Carolina traz celeridade aos processo de atendimento e encaminhamento para toda a rede de enfrentamento de violência contra mulher que tem em Guarapuava”

Para a promotora Dúnia Rampazzo, que representou o Ministério Público do Paraná na posse de Ana Carolina, a designação da delegada para o município foi essencial e urgente.

Dúnia Rampazzo (Foto: Caio Budel/RSN)

“Nós elogiamos e agradecemos a atitude da Secretaria de Segurança Pública do Paraná em atender o pedido desta Comarca, de designar uma autoridade policial para trabalhar exclusivamente na atuação e repressão de crimes de violência doméstica, algo que existe de forma alarmante em toda a sociedade. Esse tema exige uma atuação especializada e por isso sabemos que a Ana Carolina deve fazer um bom trabalho”.

Para a vice-presidente da OAB Guarapuava, Maria Cecília Saldanha, Ana Carolina deve otimizar os trabalhos da Polícia Civil.

“Nos últimos anos nós estamos vendo, cada vez mais, um bom trabalho sendo executado pela polícia, principalmente em crimes de violência doméstica e de gênero. Acreditamos que a chegada da Ana Carolina auxiliará, e muito, neste cenário, principalmente por conta do momento de consternação que toda a cidade vive”.

Também participaram da solenidade de posse o delegado Júlio Cézar dos Reis, Secretário de Segurança Pública do Paraná, Nailor Gustavo Robert de Lima, delegado-geral da Polícia Civil, Valmir Sóccio, delegado-chefe da Divisão Policial do Interior, Rubens Miranda Júnior, delegado-chefe da 14ª Subdivisão Policial (SDP) de Guarapuava e outras autoridades do setor policial e político da cidade, como Cristina Silvestri.

Relacionadas

VANDALISMO

Jovem é preso e adolescente apreendido por vandalismo em Guarapuava

SABORES DA CASA

Site Compre do Produtor agora também conta com venda de cervejas artesanais

CONTRA O CRIME ORGANIZADO

Gaeco prende traficante em desdobramento da 'Operação Tentorium' em Guarapuava

Comentários

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com