Estado destina R$ 2,4 milhões para indígenas e quilombolas

O recurso será destinado à alimentação e itens de higiene à infância para 36 núcleos quilombolas no PR e já reconhecidos pela Fundação Cultural Palmares

O recurso vai ser destinado à alimentação e itens de higiene à infância (Foto: Arnaldo Alves/ANPr)

Devido a pandemia de coronavírus, a Secretaria de Estado da Justiça, Família e Trabalho providenciou junto ao Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente (Cedca), recursos no valor de R$ 2,4 milhões para auxiliar crianças e adolescentes originários de comunidades indígenas e de famílias de quilombolas.

O recurso, já deliberado e aprovado em reunião ordinária, vai ser destinado à alimentação e itens de higiene a infância para 36 núcleos quilombolas existentes no Paraná. Eles já são reconhecidos pela Fundação Cultural Palmares, que vivem em lugares de difícil acesso.

Além disso, os recursoa vão contemplar os povos indígenas das etnias Guarani, Caingangue e Xetá, que vivem nas 17 aldeias já demarcadas pelo governo federal no Paraná.

De acordo com o Secretário de Justiça, Família e Trabalho, Ney Leprevost, estão sendo liberados recursos do Fundo da Infância e Adolescência (FIA) para aplicação em ações que permitam a preservação das necessidades básicas das crianças.

Estamos respeitando as características culturais das suas comunidade.

Assim, para a presidente do Cedca, Angela Mendonça, este é um marco na destinação de recursos. “Pelo processo histórico e condições específicas de pobreza e desigualdade, as crianças e adolescentes de povos tradicionais acabaram vivendo em isolamento geográfico e/ou cultural.

Assim, tendo pouco acesso às políticas públicas de cunho universal, o que lhes colocou em situação de maior vulnerabilidade socioeconômica. Além de serem alvos de discriminação racial, étnica e religiosa’’.

Por fim, ela afirmou que o Paraná sai na frente como exemplo de cidadania e inclusão. Além da proteção e defesa dos direitos também destas crianças e dos adolescentes.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

POTENCIAL

Governador autoriza construção de hidrelétricas em cidades da Região

RESPONSABILIDADE

Prazo para alistamento militar on-line é até o dia 30 de junho

ADIADO

Inscrições do Enem são adiadas até dia 27 de maio

Comentários