Governador sanciona a lei do Fundo de Combate à Corrupção

Estado passa a contar com recursos específicos para prevenir e inibir a corrupção. Fundo é vinculado à Controladoria-Geral do Estado

O governador Carlos Massa Ratinho Junior, sanciona A lei que cria o Fundo Estadual de Combate a Corrupção (Foto: Arnaldo Alves/AEN).

O Governo do Paraná vai contar com recursos específicos para melhorar a estrutura destinada a prevenir e inibir atos ilícitos no serviço público. Isso porque o governador Carlos Massa Ratinho Junior sancionou, nesta quarta (30), a lei que institui o Fundo de Combate à Corrupção (Funcor). Além disso, determinou que toda sua movimentação esteja disponível no Portal da Transparência.

De acordo com a Agência Estadual de Notícias, o governador também confirmou a presença do Paraná no projeto do Plano de Integridade. Que é sugerido pela organização da sociedade civil Transparência Internacional, presente em 100 nações. Com o acordo de cooperação, servidores farão curso de duas semanas em Copenhague, na Dinamarca, além de participar de palestras e oficinas promovidas pela Transparência Internacional.

Assim, as iniciativas marcam o aniversário de seis anos da Controladoria-Geral do Estado (CGE) e vem ao encontro da intenção do Governo do Estado de coibir todo e qualquer ato de corrupção, ativa ou passiva, no serviço público estadual.

“É um compromisso que temos com a sociedade de levar mais transparência e controle do dinheiro público, além de apurar e coibir os desvios de conduta na administração. Com esse fundo, poderemos criar mais mecanismos de combate à corrupção”, afirmou Ratinho Junior.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

TURISMO

Um paraíso no litoral paranaense chamado Ilha do Mel

RODOVIAS FEDERAIS

Em ações simultâneas, PRF flagra mais de 80 motoristas bêbados no Paraná

ALERTA

Saúde orienta sobre acidentes com animais venenosos e peçonhentos

Comentários