Governo e Exército alinham ações para combate ao novo coronavírus

Iniciativa faz parte das ações planejadas pelo governo para o enfrentamento da pandemia e ajuda a garantir união entre todas as instituições envolvidas

O encontro tratou de ações para o combate ao novo coronavírus (Foto: AENPr)

O governador Ratinho Junior esteve nesta quinta (16) na 5ª Divisão do Exército Brasileiro, em Curitiba. Ele foi recebido pelo comandante da 5ª Divisão, general Carlos José Russo Assumpção Penteado, e pelo comandante da 5ª Região Militar, general Claudio Senko Penkal. A unidade é responsável por Paraná e Santa Catarina.

De acordo com a assessoria do governo, o encontro tratou de ações para o combate ao novo coronavírus. Iniciativa faz parte do planejamento do Governo do Estado para o enfrentamento da pandemia, com a união entre todas as instituições envolvidas.

Assim, a principal parceria com o Exército é relacionada ao reforço no patrulhamento e controle das fronteiras do Paraná com o Paraguai e a Argentina. Além disso, a estratégia permitiu que a Secretaria de Segurança Pública deslocasse policiais estaduais para atuar com profissionais da Saúde no monitoramento da circulação nas divisas com São Paulo, Mato Grosso do Sul e Santa Catarina.

O governador destacou a parceria de longa data com a 5ª Divisão e disse que a união das instituições públicas auxilia as estratégias de enfrentamento e a retomada econômica, num segundo momento.

A 5ª Divisão do Exército sempre esteve à disposição do Estado. O general Penteado é um parceiro e uma mão amiga. Também nos comprometemos a ajudar o Exército naquilo que for de necessidade da corporação para fortalecer a integração nesse momento de crise.

ESTRUTURA 

O governador destacou a readequação da infraestrutura hospitalar do Paraná para atender pacientes com sintomas da Covid-19 e o atendimento social aos mais vulneráveis. Além disso, citou a contratação de 419 novos leitos e a entrega de três hospitais regionais nos próximos 40 dias. E ainda, programas econômicos para distribuição de recursos do Fundo Estadual de Combate e Erradicação à Pobreza e de crédito pelos bancos públicos.

O secretário da Segurança Pública, Romulo Marinho Soares, ressaltou que a integração entre as equipes é fundamental para continuidade das ações. “Todas as nossas forças de segurança estão empenhadas em ações de combate ao coronavírus e sabemos que, quando precisarmos do apoio do Exército, ele estará à disposição”.

EXÉRCITO

O general Penteado, entretanto, apresentou as ações do Exército Brasileiro na Região da 5ª Divisão e disse que foram instaladas 97 barracas de campanha. Tal ação ocorreu em apoio a triagem dos principais hospitais e Unidades de Pronto Atendimento (Upa) das cidades do Paraná e de Santa Catarina. Além disso, o Exército também ajudará a Fecomercio-PR no programa Mesa Brasil, de arrecadação de alimentos e produtos de higiene e limpeza.

DENGUE

O Governo do Estado e o Exército Brasileiro já atuam de forma conjunta no combate à dengue. No mês passado, um mutirão organizado pelas secretarias de Segurança e Saúde contou com a participação de 600 soldados do Exército, militares estaduais, representantes da Defesa Civil e técnicos da vigilância ambiental das cidades envolvidas. Por fim, foram desenvolvidas ações de orientação e fiscalização nos 60 municípios que apresentavam os maiores índices de casos confirmados.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

ALERTA

Casos de doença rara podem estar associados à covid-19

PRAZO FINAL

Prazo para inscrições em cursos gratuitos de tecnologia termina hoje (23)

ELEIÇÕES

'Podemos' disputa a prefeitura nas maiores cidades do Paraná

Comentários

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com