IBGE aponta: Paraná deve produzir 56,8 % do trigo nacional

A Pesquisa do mês de junho do LSPA indica que produção de trigo no Paraná manterá o Estado como o maior produtor deste grão do Brasil, com uma participação de 56,8%, ou seja, mais da metade de todo o trigo produzido. O último levantamento apontou uma área de 1.229.314 hectares, com possibilidades de produzir 3.256.985 toneladas do grão.
O plantio do trigo já foi realizado em cerca de 90% da área prevista, devendo estar todo concluído na 1ª quinzena de julho. As geadas, típicas do inverno, já eram esperadas e não afetaram as culturas. Foram avaliadas as safras de inverno de todas as culturas: aveia branca, centeio, cevada, triticale e trigo.
Já para o milho (1ª safra), cuja colheita se encerrou no final do mês de junho, a produção foi de 6.439.679 toneladas, 26 % a menos que a inicialmente prevista. Tal redução é consequência da estiagem que se abateu ao longo do ciclo da cultura.
Os dados são do Levantamento Sistemático da Produção Agrícola (LSPA), que realiza a previsão e a avaliação das Safras Agrícolas dos Estados e do Brasil, realizada pelo IBGE, sob a coordenação no Paraná do Engenheiro Agrônomo, Jorge Mryczka.
Os dados de campo do LSPA, são tabulados e avaliados (apreciados) mensalmente pelo Colegiado do Grupo Coordenador de Estatísticas Agropecuárias do Paraná (GCEA/PR), que é composto por Técnicos do IBGE, Secretaria Estadual de Agricultura, Ministério da Agricultura, Companhia Nacional de Abastecimento (CONAB), Banco Central, Banco do Brasil, Empresa Paranaense de Classificação (CLASPAR), Organização das Cooperativas do Paraná(OCEPAR) e da Federação da Agricultura do Estado do Paraná (FAEP).

Relacionadas

NUTRIÇÃO HUMANA

ONU estabelece 2021 como ano internacional das frutas e vegetais

COLHEITA FARTA

Produtor de cevada comemora colheita, qualidade e preço

CHAMADA PÚBLICA

Aberta chamada pública para agricultura familiar no Paraná

Comentários