Júri de Manvailer será nos dias 3 e 4 de dezembro

Data foi marcada pelo juiz Adriano Scussiatto Eyng nesta segunda (14). Defesa tenta desaforar o julgamento para outra comarca

Júri de Manvailer será nos dias 3 e 4 de dezembro (Foto: Arquivo/RSN)

Um dos julgamentos mais esperados dos últimos anos em Guarapuava já tem data definida. Luis Felipe Manvailer vai a júri popular nos dias 3 e 4 de dezembro, segundo decisão do juiz Adriano Scussiatto Eyng. Conforme o advogado Marinaldo Rattes, representante da OAB, no caso, o julgamento começará às 9h.  “O juiz designou também o dia 9 de novembro, às 13h15, para o sorteio dos jurados”.

Acusado de matar a esposa, a advogada Tatiane Spitzner, na madrugada de 22 de julho de 2018, Manvailer está preso há 487 dias. Ele cumpre a prisão na Penitenciária Industrial de Guarapuava (PIG). É que a polícia o prendeu horas após a morte de Tatiane, em São Miguel do Iguaçu. Manvailer, em tese, tentava fugir quando sofreu um acidente na BR-277.

De acordo com a acusação, após a agressão Mainvailer a jogou da sacada do apartamento onde o casal morava no Centro de Guarapuava. Porém, a defesa sustenta a tese de que Tatiane teria se suicidado. Entretanto, imagens de câmeras de segurança mostram Manvailer agredindo a esposa já no elevador, momentos antes da tragédia.

Assim, como a morte de Tatiane teve repercussão nacional, a defesa tenta transferir o julgamento para outra comarca. Por fim, acesse aqui a decisão do juiz sobre a data do julgamento.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

MODELO

Cilla Tech Park atrai investidores de Cascavel para Guarapuava

ROUBO

Motorista é assaltado por travestis na Manoel Ribas em Guarapuava

RESPONSABILIDADE SOCIAL

Alunos de Arquitetura da FG ajudam comunidade com projetos inovadores

Comentários

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com