LS do Sul recebe a 15ª Caravana da Alfabetização

Laranjeiras do Sul – A 15ª edição da Caravana da Alfabetização chegou nesta terça-feira (30) ao município de Laranjeiras do Sul. O evento é parte da ação de mobilização do programa Paraná Alfabetizado, que vem mudando a vida de milhares de paranaenses desde que foi lançado, há seis anos. É o caso da dona-de-casa Sebastiana Gomes da Silva, 67 anos, do município de Laranjeiras do Sul. Há um ano no programa, ela sai de sua casa três vezes por semana para freqüentar os bancos escolares.
Dona Sebastiana conta que não teve a oportunidade de estudar quando jovem e se diz realizada e orgulhosa de não sentir mais vergonha por não saber ler nem escrever. “Para mim é uma felicidade muito grande poder estudar. Já enfrentei tanto preconceito na minha vida por ser analfabeta. Hoje me sinto outra pessoa. A escola é pertinho de casa, a professora é muito querida, gosto demais”, afirma.
É com histórias de vida como a da dona Sebastiana que o programa Paraná Alfabetizado vem trabalhando em um esforço conjunto com várias instituições públicas e privadas, organizações governamentais e da sociedade civil, com a meta principal de acabar com o analfabetismo em todo o território paranaense.
“A superação do analfabetismo implica no resgate de uma dívida social com nossos adultos e idosos que não tiveram acesso ao processo de escolarização. E a Caravana consiste em promovermos um dia de mobilização regional, por meio da comunidade escolar e da população em geral, fazendo com que, quem não conhece o projeto, passe a conhecer e nos ajude na busca de pessoas que não sabem ler nem escrever, para que possamos declarar ao final de 2010 o Estado do Paraná território livre do analfabetismo”, declarou a superintendente da Educação, Alayde Diggiovani.
O programa Paraná Alfabetizado, que tem como meta superar o analfabetismo no Estado, já atendeu desde sua primeira edição em 2004 mais de 330 mil pessoas. A meta até o final de 2010 é alfabetizar 500 mil cidadãos.
Em Laranjeiras do Sul, mais de quatro mil pessoas participaram da caminhada pelas principais ruas da cidade até o Iguaçu Tênis Club, aonde a Carta Compromisso pela Superação do Analfabetismo foi assinada por representantes de mais de 40 órgãos e entidades.
Além de Laranjeiras do Sul, mais nove municípios participam do programa na região: Cantagalo, Diamante do Sul, Espigão Alto do Iguaçu, Marquinho, Nova Laranjeiras, Porto Barreiro, Quedas do Iguaçu, Rio Bonito do Iguaçu e Virmond. Destes cinco já estão em fase de superação: Diamante do Sul, Espigão Alto do Iguaçu, Marquinho, Porto Barreiro e Virmond.
Na região, dados do último Censo Populacional do IBGE apontavam mais de 10 mil analfabetos em 2000, o que representava 14,2% da população. Desde a implantação do Programa, mais de três mil pessoas já foram alfabetizadas nos dez municípios jurisdicionados ao NRE de Laranjeiras do Sul.
“Nunca é tarde para aprender, há sempre tempo e nós estamos aqui para juntos levar a educação para todos. Vamos lutar para modificar esse panorama terrível que é o analfabetismo. Por isso reforço a cada um que incentive as pessoas a participarem do programa, com engajamento de todos chegaremos ao nosso objetivo”, disse o chefe do NRE de Laranjeiras do Sul, Antonio Altair de Miranda.
Dona Sebastiana conta que, entre vários preconceitos que sofrera por não saber ler, um de que ela nunca esqueceu foi um dia na rodoviária quando ainda morava em Cascavel. “Eu tinha que ir viajar e na ansiedade de pegar o ônibus acabei entrando em um ônibus errado. Ao chegar, percebi que estava em um local desconhecido, então fui perguntar para o motorista que com um tom ameaçador me disse: A senhora não sabe ler? Nossa aquilo para mim foi o fim do mundo, me senti tão pequena, envergonhada. Hoje graças ao Paraná Alfabetizado isso mudou”, finaliza.
“Vamos alfabetizar todas as pessoas, sejam elas camponesas, trabalhadores rurais, indígenas, do campo ou da cidade. Vamos alfabetizar em português e em kaigang. E o papel das Caravanas é o de alertar a sociedade, para que cada dia mais cidadãos percam a vergonha, o medo e venham para a escola. A tarefa é de todos, vamos garantir o direito a cidadania de toda a população”, disse o chefe do departamento da Diversidade, Wagner Roberto do Amaral.
Mais de 200 municípios paranaenses já selaram compromisso com a superação do analfabetismo. Em cerimônias realizadas nos municípios diversas autoridades estaduais e municipais, líderes comunitários e empresários assinaram a Carta Compromisso pela Superação do Analfabetismo. Até o final de agosto, mais sete Caravanas serão realizadas pelo Paraná. A próxima será em Pato Branco, no próximo dia 02 de julho.(AEN)

Relacionadas

UTILIDADE PÚBLICA

Obras impedem tráfego em ruas do Centro de Guarapuava

QUEDA DO WHATS

Em tempo de conexão, queda do WhatsApp deixa usuários apreensivos

BOA NOTÍCIA

Curados da covid-19 chegam a quase 100% em Pinhão

Comentários