Luciana questiona governo sobre a falta de médicos no Paraná

Pedido de informações foi protocolado na sessão plenária de segunda (25) da Alep

Deputada Luciana Rafagnin (Foto: Ascom)

A deputada estadual Luciana Rafagnin (PT) pediu informações ao secretário estadual da Saúde do Paraná, Beto Preto, sobre o funcionamento do Programa Mais Médicos no estado e sobre iniciativas em parceria com os municípios para enfrentar esse problema.

Luciana questiona: Quantos médicos atuavam no programa? Quantos saíram e quantas vagas foram repostas? Quantos profissionais são necessários para conseguir dar conta do atendimento à população? Quantos municípios estão sem médicos no momento e de que forma o estado pretende suprir a ausência de profissionais em socorro aos municípios?

De acordo com a assessoria da deputada, o pedido de informações foi protocolado na sessão plenária da Assembleia Legislativa do Paraná (ALEP) na segunda feira (25). Luciana é autora ainda do Projeto de Lei 21/2019, que dispõe sobre a divulgação atualizada na internet da lista de pacientes em fila de espera para atendimento no Sistema Único de Saúde (SUS) e de um requerimento (nº 740/2019) ao governo sobre a situação da saúde pública no município de General Carneiro.

Na região de Guarapuava, faltam profissionais do Mais Médico em Pinhão, Candói e Prudentópolis.

 

Relacionadas

ELEIÇÕES 2020

Justiça Eleitoral confirma inelegibilidade de José Vitorino em Pinhão

ELEIÇÕES

Pesquisa eleitoral mostra disputa 'embolada' em Guarapuava

ELEIÇÕES 2020

Burko continua em campanha, diz assessoria jurídica da coligação

Comentários