Missa é celebrada no velório de Zilda Arns

Curitiba – Lideranças políticas, religiosas e o povo em geral estão passando pelo velório da coordenadora internacional da Pastoral da Criança, a médica sanitarista e pediatra, Zilda Arns.
O cerimonial fúnebre começou por volta das 11 horas da manhã desta sexta (15) no Palácio das Araucárias, em Curitiba, sede do Governo do Paraná.
Já passaram pelo velório o governador Roberto Requião, o chefe de gabinete da Presidência da República, Gil Carvalho.
No início da tarde houve uma missa celebrada pelo Cardeal Primaz do Brasil, D. Geral do Magela, fundador da Pastoral da Criança junto com Zilda Arns. A celebração contou com a participação de cerca de 400 pessoas. O prefeito de Curitiba, Beto Richa, o senador Álvaro Dias e a esposa Débora, senador Flavio Arns, que era sobrinho da médica, filhos, netos e outros familiares da médica também estiveram na missa.
O corpo de Zilda Arns saiu do Haiti ontem, quinta-feira, às 21h30min, e chegou em Brasília hoje pela manhã. Em seguida foi transladado para Curitiba onde chegou às 10h20min. No aeroporto representantes da Pastoral da Criança, Pastoral do Idoso, políticos e familiares aguardavam o corpo.
Durante a celebração da missa, a fila formada por populares, no lado de fora do Palácio das Araucárias aumentava a cada instante.
O caixão com o corpo de Zilda Arns está lacrado e coberto com as bandeiras da Pastoral da Criança e do Brasil.
No final da celebração religiosa D. Geraldo Magela e outros religiosos benzeram simbolicamente o corpo. O cheiro de incenso e a oração musicada de São Francisco de Assis tomaram conta do ambiente, emocionando o público.
O sepultamento acontecerá na tarde de amanhã, sábado, em cerimônia restrita à familiares e amigos.
(Cristina Esteche com fotos de Naor Coelho)

Relacionadas

CAMPEONATO PARANAENSE

Datas para o Campeonato Paranaense já estão definidas

ORIENTAÇÕES

IAT orienta população sobre entrada nos parques estaduais

DESTAQUE

Indígena de Mangueirinha é o primeiro no PR a presidir Conselho Tutelar

Comentários