Paraná tem 529 novos casos de coronavírus e mais 22 mortes

No Paraná, morreram 10 mulheres e 12 homens, com idades que variam de 15 a 92 anos. As mortes ocorreram entre os dias 10 e 17 de junho

Paraná tem 529 novos casos de coronavírus e mais 22 mortes (Imagem: Arquivo/RSN)

A Secretaria de Estado da Saúde divulgou nesta quarta (17) 529 novos casos e mais 22 óbitos pela Covid-19. De acordo com a Sesa, o Paraná soma 11.085 confirmações da doença e 386 mortos em decorrência do novo coronavírus. Ainda conforme o boletim, um caso confirmado em 13 de junho em Adrianópolis foi transferido para Cotriguaçu (MT).

INTERNADOS

Nesta quarta- (17), há 348 pacientes internados com diagnóstico confirmado de Covid-19. De acordo com a Sesa, destes, 243 pacientes estão em leitos SUS. Assim, 113 estão em UTI e 130 em leitos clínicos/enfermaria e 105 em leitos da rede particular. Sendo: 38 em UTI e 67 em leitos clínicos/enfermaria.

Porém, há outras 893 pessoas em leitos UTI e enfermaria que aguardam resultados de exames. Elas estão nas redes pública e particular e são consideradas casos suspeitos de infecção pelo vírus Sars-CoV-2.

ÓBITOS

A secretaria estadual de Saúde informa também a morte de mais 22 pacientes. Todos estavam internados. São 10 mulheres e 12 homens, com idades que variam de 15 a 92 anos. Os óbitos ocorreram entre os dias 10 e 17 de junho.

Conforme a Sesa, sete moravam em Curitiba; cinco em Cascavel; três em Rolândia; dois em Fazenda Rio Grande. Houve uma morte nos municípios de Almirante Tamandaré, Assaí, Cornélio Procópio, Londrina e São José dos Pinhais.

MUNICÍPIOS 

No Paraná, 311 cidades têm ao menos um caso confirmado de Covid-19. Conforme a Sesa, Bom Sucesso, Diamante D’Oeste e Formosa do Oeste, registraram casos pela primeira vez. Em 112 municípios há óbitos pela doença.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

100 DIAS DE COVID

33% dos pacientes positivados em Guarapuava já estão curados

RECORDE

PRF apreende 66 toneladas de drogas no PR no 1º semestre de 2020

SAÚDE

Municípios da 5ª Regional ainda tem casos de sarampo em investigação

Comentários