Passageiros devem usar máscaras ao utilizar serviços de aplicativo

Os motoristas de aplicativos pedem que as pessoas respeitem as medidas tomadas pela prefeitura. Ao pedir uma corrida, não esqueça o uso de máscara

Os motoristas de aplicativos pedem que as pessoas respeitem as medidas tomadas pela prefeitura. (Foto: Reprodução/UOL)

Em Guarapuava, já foram confirmados 15 casos da Covid-19, o que  coloca os moradores da cidade em alerta. Assim, aplicativos de corridas de carro estão atentos aos números e cumprem medidas para proteger motoristas e passageiros. Porém, ainda há pessoas que tentam embarcar sem usar máscaras.

Conforme David Visineski, motorista de Uber, 99 e Garupa levar ou não o passageiro é uma escolha do motorista. “Eu particularmente não levo pessoa sem máscara, mas tenho colegas que fazem isso. Não há como afirmar uma porcentagem correta, mas muitas pessoas não usam o meio de prevenção”.

Os aplicativos orientam que não somos obrigados a levar as pessoas se elas não estão respeitando as medidas. Por mais que eu tenha aceito a viagem, se ela não condiz com as diretrizes de segurança eu não vou levar. Eu só pego dinheiro com luvas, só volto a dirigir após passar álcool gel nas mãos, limpo todo meu carro para depois voltar a trabalhar.

David conta que os aplicativos pedem que os colaboradores também usem álcool gel e luva, reembolsando o valor aos motoristas. Vídeos com orientações e mensagens são enviados para que os profissionais não atuem sem os devidos cuidados.

APLICATIVOS EM AÇÃO

O Uber foi o primeiro aplicativo de corridas em Guarapuava e passou a exigir que motoristas e passageiros usem máscaras. Essa é uma nova política da companhia enquanto vivemos a pandemia do novo coronavírus.

Segundo a Uol,  a empresa estaria trabalhando no desenvolvimento de uma tecnologia capaz de detectar se os motoristas estão usando máscaras antes de começarem a aceitar viagens. A companhia também estaria analisando formas de verificar se os passageiros estão de máscaras, mas não deu nenhuma indicação de como isso funcionaria.

Ao entrar em contato com o aplicativo 99 pop, a equipe RSN foi informada que a empresa está seguindo as medidas determinadas pelas prefeituras municipais. Desse modo, a empresa está atenta à importância do uso de máscara, já que os motoristas podem ser multados se prestarem serviço para pessoas que não estão utilizando.

No Paraná, a nova Lei nº 20.189 prevê multa em caso de descumprimento, e, o trabalhador pode receber uma penalização entre R$106 e R$530 para pessoas físicas, e entre R$ 2.120 e R$ 10.600 para empresas. Porém, a fiscalização ainda será definida por meio de decreto.

De acordo com o motorista Alan, é muito importante frisar que o uso de máscara é o principal meio de cuidado. Ele pede que as pessoas pensem bem, pois além de colocar a vida em risco, ainda podem acabar contribuindo com multa para o trabalhador. Ao pegar um corrida com o profissional, é possível perceber a preocupação. Além disso a 99 criou uma página com orientações para reforçar as informações e envia mensagens por app para informar os riscos da doença.

ESTOU EXPOSTO?

A Covid-19 é transmitida quando partículas contaminadas entram em contato com o organismo. Com isso, apertos de mão, abraços e até mesmo falar são meio de transmissão. Por isso, todo cuidado ainda é pouco e os motoristas atentam: ao pedir um carro, coloque sua máscara e faça uma corrida em segurança.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

UTILIDADE PÚBLICA

Procon aciona Ministério Público sobre aumento em contas de água

POTENCIAL

Governador autoriza construção de hidrelétricas em cidades da Região

PPP

Iluminação em Led chega aos bairros de Guarapuava

Comentários